Foto: Samuel Mendonça/Folha do Domingo

Faro, 01 nov 2019 (Ecclesia) – O bispo do Algarve preside à celebração dos Fiéis Defuntos, este sábado, 2 de novembro, no Cemitério da Esperança, em Faro.

Na informação enviada à Agência ECCLESIA, o jornal diocesano ‘Folha do Domingo’ adianta que a Eucaristia presidida por D. Manuel Quintas começa pelas 15h00, com os párocos da cidade de Faro.

A ‘comemoração de todos os fiéis defuntos’ remonta ao final do primeiro milénio: foi o Abade de cluny, Santo Odilão, quem no ano 998 determinou que em todos os mosteiros da sua Ordem se fizesse nesta data a evocação de todos os defuntos ‘desde o princípio até ao fim do mundo’.

Este costume depressa se generalizou: Roma oficializou-o no século XIV e no século XV foi concedido aos dominicanos de Valência (Espanha) o privilégio de celebrar três Missas neste dia, prática que se difundiu nos domínios espanhóis e portugueses e ainda na Polónia.

Durante a I Guerra Mundial, o Papa Bento XV generalizou esse uso em toda a Igreja (1915).

 OC/CB

 

Fiéis Defuntos: Tradição da Igreja é manter restos mortais nos cemitérios ou locais sagrados

Partilhar:
Share