Calendário

Dez
10
Sex
Solidariedade: Projeto «Sem Diferenças» vai agasalhar a comunidade
Dez 10 todo o dia

Coimbra, 24 Nov 2021 (Ecclesia) – O Projeto da Cáritas Diocesana de Coimbra, «Sem Diferenças E8G», lança uma campanha que pretende combater o frio da comunidade na sua área de intervenção.

“Um gesto de amor que agasalha no frio” é o mote de apelo à sociedade civil para que façam chegar o maior número de lençóis quentes, cobertores, edredons ou pijamas para apoiar as pessoas que vivem em situações de maior emergência social e económica e ajudar a combater a pobreza energética que abrange estas pessoas e famílias, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Entre os dias 24 de novembro e 10 de dezembro, os interessados “em aquecer esta comunidade”, podem fazer chegar as suas doações ao Centro Comunitário Nossa Senhora da Boa Viagem, localizado na Leirosa, ou à Junta de Freguesia da Marinha das Ondas.

O «Sem Diferenças» tem realizado um trabalho de intervenção e proximidade com as comunidades migrantes que trabalham nas empresas circundantes ao Centro.

As famílias são oriundas do Nepal, Índia, Bangladesh, entre outros países, e habitam nas povoações circundantes.

O Centro Comunitário da Boa Viagem tem promovido a integração e interação desta comunidade com a comunidade local e também apoiado com os meios à sua disposição perante as necessidades apresentadas.

LFS

Dez
12
Dom
Coimbra: Mercado, teatro e concerto fazem o «Natal Presente 2021» no Seminário Maior
Dez 12@16:00

Coimbra, 04 dez 2021 (Ecclesia) – A Comunidade do Seminário Maior de Coimbra vai assinalar o tempo de Natal com um conjunto de iniciativas que chama “Natal Presente 2021”.

“Chamamos a esta iniciativa Natal Presente 2021. Natal Presente porque é um enorme presente este tempo, porque é tempo de dar presentes uns aos outros, porque Deus se faz presente e o menino Jesus se torna o maior presente que podemos celebrar e partilhar”, indica um comunicado enviado à Agência ECCLESIA.

O “Natal Presente 2021” consiste num Mercado de Natal, entre as 10h00 e as 16h00 do dia 5 de dezembro, um teatro da Companhia AtrapalhArte, dia 12 às 17h00, intitulado “Velhos são os trapos”, e um Concerto de Natal, no dia 19 às 19h00, pelo Coro da Comunidade das 11, que anima as Eucaristias de Domingo no Seminário, que será transmitidos pelas redes sociais.

O Seminário Maior de Coimbra assinala que estas iniciativas são solidárias e vão “procurar levar mais ‘calor’ a muitas pessoas, famílias e idosos mais carenciados ou que vivem sozinhos”.

“Esta ‘Comunidade das 11’, desde o início da pandemia (março de 2020), partilhou mais de 23.500,00€ com várias instituições, pessoas e organismos”, acrescenta o comunicado.

Para participar nas várias iniciativas é necessário fazer uma inscrição nesta ligação.

PR

Dez
19
Dom
Coimbra: Mercado, teatro e concerto fazem o «Natal Presente 2021» no Seminário Maior
Dez 19@16:00

Coimbra, 04 dez 2021 (Ecclesia) – A Comunidade do Seminário Maior de Coimbra vai assinalar o tempo de Natal com um conjunto de iniciativas que chama “Natal Presente 2021”.

“Chamamos a esta iniciativa Natal Presente 2021. Natal Presente porque é um enorme presente este tempo, porque é tempo de dar presentes uns aos outros, porque Deus se faz presente e o menino Jesus se torna o maior presente que podemos celebrar e partilhar”, indica um comunicado enviado à Agência ECCLESIA.

O “Natal Presente 2021” consiste num Mercado de Natal, entre as 10h00 e as 16h00 do dia 5 de dezembro, um teatro da Companhia AtrapalhArte, dia 12 às 17h00, intitulado “Velhos são os trapos”, e um Concerto de Natal, no dia 19 às 19h00, pelo Coro da Comunidade das 11, que anima as Eucaristias de Domingo no Seminário, que será transmitidos pelas redes sociais.

O Seminário Maior de Coimbra assinala que estas iniciativas são solidárias e vão “procurar levar mais ‘calor’ a muitas pessoas, famílias e idosos mais carenciados ou que vivem sozinhos”.

“Esta ‘Comunidade das 11’, desde o início da pandemia (março de 2020), partilhou mais de 23.500,00€ com várias instituições, pessoas e organismos”, acrescenta o comunicado.

Para participar nas várias iniciativas é necessário fazer uma inscrição nesta ligação.

PR

Jan
8
Sáb
Portugal: Fundação «Fé e Cooperação» divulgou datas para formação de voluntários missionários
Jan 8 todo o dia

Foto FEC (arquivo 2019)

Lisboa, 16 set 2021 (Ecclesia) – A Fundação ‘Fé e Cooperação’ (FEC) divulgou as datas para as formações de voluntários missionários, que pretende realizar de forma presencial, a partir de janeiro de 2022, mas tem no ‘online’ um “plano B”, caso a pandemia agrave.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a FEC informa que este ano, devido à pandemia Covid-19,  vão “adotar alguns procedimentos mais específicos” para poderem realizar as sessões de formação de forma presencial.

A organização não-governamental para o desenvolvimento tem “sempre” a opção de realizar os encontros pelos meios digitais, um “plano B” caso a pandemia Covid-19 agrave e existam “impedimentos à realização presencial” destas sessões.

Segundo o programa, as sessões começam com a formação de formadores ‘e depois da missão?’, no dia 20 de novembro, em Fátima.

A formação para os voluntários missionários vai começar em janeiro de 2022, nos dias 8 e 9, sobre ‘Voluntariado Missionário e Espiritualidade’, em Lisboa.

A FEC vai dinamizar em Fátima as formações de fevereiro e março, respetivamente ‘Cooperação para o Desenvolvimento’ (12 e 13 de fevereiro), e ‘Missão, culturas e religiões’ (19 e 20 março).

A quarta sessão de formação é sobre ‘relações humanas e vida em grupo’, dias 23 e 24 de abril, em Leiria, e os voluntários missionários vão refletir sobre ‘desenvolvimento humano e dádiva cristã’ no último encontro, a 14 e 15 de maio, em Aveiro ou Coimbra.

A organização católica dinamiza a Rede do Voluntariado Missionário, desde 2002, e contextualiza que o voluntariado missionário distingue-se do voluntariado internacional para a cooperação “principalmente pela sua génese cristã-católica”.

A FEC foi fundada a 13 de março de 1990, pela Conferência Episcopal Portuguesa, pela Conferência dos Institutos Religiosos de Portugal (CIRP) e Federação Nacional dos Institutos Religiosos (FNIS) e desenvolve a sua missão em Portugal, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique.

CB

Jan
9
Dom
Portugal: Fundação «Fé e Cooperação» divulgou datas para formação de voluntários missionários
Jan 9 todo o dia

Foto FEC (arquivo 2019)

Lisboa, 16 set 2021 (Ecclesia) – A Fundação ‘Fé e Cooperação’ (FEC) divulgou as datas para as formações de voluntários missionários, que pretende realizar de forma presencial, a partir de janeiro de 2022, mas tem no ‘online’ um “plano B”, caso a pandemia agrave.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a FEC informa que este ano, devido à pandemia Covid-19,  vão “adotar alguns procedimentos mais específicos” para poderem realizar as sessões de formação de forma presencial.

A organização não-governamental para o desenvolvimento tem “sempre” a opção de realizar os encontros pelos meios digitais, um “plano B” caso a pandemia Covid-19 agrave e existam “impedimentos à realização presencial” destas sessões.

Segundo o programa, as sessões começam com a formação de formadores ‘e depois da missão?’, no dia 20 de novembro, em Fátima.

A formação para os voluntários missionários vai começar em janeiro de 2022, nos dias 8 e 9, sobre ‘Voluntariado Missionário e Espiritualidade’, em Lisboa.

A FEC vai dinamizar em Fátima as formações de fevereiro e março, respetivamente ‘Cooperação para o Desenvolvimento’ (12 e 13 de fevereiro), e ‘Missão, culturas e religiões’ (19 e 20 março).

A quarta sessão de formação é sobre ‘relações humanas e vida em grupo’, dias 23 e 24 de abril, em Leiria, e os voluntários missionários vão refletir sobre ‘desenvolvimento humano e dádiva cristã’ no último encontro, a 14 e 15 de maio, em Aveiro ou Coimbra.

A organização católica dinamiza a Rede do Voluntariado Missionário, desde 2002, e contextualiza que o voluntariado missionário distingue-se do voluntariado internacional para a cooperação “principalmente pela sua génese cristã-católica”.

A FEC foi fundada a 13 de março de 1990, pela Conferência Episcopal Portuguesa, pela Conferência dos Institutos Religiosos de Portugal (CIRP) e Federação Nacional dos Institutos Religiosos (FNIS) e desenvolve a sua missão em Portugal, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique.

CB

Fev
12
Sáb
Portugal: Fundação «Fé e Cooperação» divulgou datas para formação de voluntários missionários
Fev 12 todo o dia

Foto FEC (arquivo 2019)

Lisboa, 16 set 2021 (Ecclesia) – A Fundação ‘Fé e Cooperação’ (FEC) divulgou as datas para as formações de voluntários missionários, que pretende realizar de forma presencial, a partir de janeiro de 2022, mas tem no ‘online’ um “plano B”, caso a pandemia agrave.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a FEC informa que este ano, devido à pandemia Covid-19,  vão “adotar alguns procedimentos mais específicos” para poderem realizar as sessões de formação de forma presencial.

A organização não-governamental para o desenvolvimento tem “sempre” a opção de realizar os encontros pelos meios digitais, um “plano B” caso a pandemia Covid-19 agrave e existam “impedimentos à realização presencial” destas sessões.

Segundo o programa, as sessões começam com a formação de formadores ‘e depois da missão?’, no dia 20 de novembro, em Fátima.

A formação para os voluntários missionários vai começar em janeiro de 2022, nos dias 8 e 9, sobre ‘Voluntariado Missionário e Espiritualidade’, em Lisboa.

A FEC vai dinamizar em Fátima as formações de fevereiro e março, respetivamente ‘Cooperação para o Desenvolvimento’ (12 e 13 de fevereiro), e ‘Missão, culturas e religiões’ (19 e 20 março).

A quarta sessão de formação é sobre ‘relações humanas e vida em grupo’, dias 23 e 24 de abril, em Leiria, e os voluntários missionários vão refletir sobre ‘desenvolvimento humano e dádiva cristã’ no último encontro, a 14 e 15 de maio, em Aveiro ou Coimbra.

A organização católica dinamiza a Rede do Voluntariado Missionário, desde 2002, e contextualiza que o voluntariado missionário distingue-se do voluntariado internacional para a cooperação “principalmente pela sua génese cristã-católica”.

A FEC foi fundada a 13 de março de 1990, pela Conferência Episcopal Portuguesa, pela Conferência dos Institutos Religiosos de Portugal (CIRP) e Federação Nacional dos Institutos Religiosos (FNIS) e desenvolve a sua missão em Portugal, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique.

CB

Fev
13
Dom
Portugal: Fundação «Fé e Cooperação» divulgou datas para formação de voluntários missionários
Fev 13 todo o dia

Foto FEC (arquivo 2019)

Lisboa, 16 set 2021 (Ecclesia) – A Fundação ‘Fé e Cooperação’ (FEC) divulgou as datas para as formações de voluntários missionários, que pretende realizar de forma presencial, a partir de janeiro de 2022, mas tem no ‘online’ um “plano B”, caso a pandemia agrave.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a FEC informa que este ano, devido à pandemia Covid-19,  vão “adotar alguns procedimentos mais específicos” para poderem realizar as sessões de formação de forma presencial.

A organização não-governamental para o desenvolvimento tem “sempre” a opção de realizar os encontros pelos meios digitais, um “plano B” caso a pandemia Covid-19 agrave e existam “impedimentos à realização presencial” destas sessões.

Segundo o programa, as sessões começam com a formação de formadores ‘e depois da missão?’, no dia 20 de novembro, em Fátima.

A formação para os voluntários missionários vai começar em janeiro de 2022, nos dias 8 e 9, sobre ‘Voluntariado Missionário e Espiritualidade’, em Lisboa.

A FEC vai dinamizar em Fátima as formações de fevereiro e março, respetivamente ‘Cooperação para o Desenvolvimento’ (12 e 13 de fevereiro), e ‘Missão, culturas e religiões’ (19 e 20 março).

A quarta sessão de formação é sobre ‘relações humanas e vida em grupo’, dias 23 e 24 de abril, em Leiria, e os voluntários missionários vão refletir sobre ‘desenvolvimento humano e dádiva cristã’ no último encontro, a 14 e 15 de maio, em Aveiro ou Coimbra.

A organização católica dinamiza a Rede do Voluntariado Missionário, desde 2002, e contextualiza que o voluntariado missionário distingue-se do voluntariado internacional para a cooperação “principalmente pela sua génese cristã-católica”.

A FEC foi fundada a 13 de março de 1990, pela Conferência Episcopal Portuguesa, pela Conferência dos Institutos Religiosos de Portugal (CIRP) e Federação Nacional dos Institutos Religiosos (FNIS) e desenvolve a sua missão em Portugal, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique.

CB

Mar
18
Sex
Media: «Correio de Coimbra» inicia celebrações do seu centenário
Mar 18@15:21_16:21

Coimbra, 18 Mar 2021 (Ecclesia) – O jornal «Correio de Coimbra» vai celebrar o seu centenário de 18 de março deste ano até à mesma data de 2022.

No texto de abertura da edição desta semana, D. Virgílio Antunes, Bispo de Coimbra, refere que esta é “uma data memorável” do jornal diocesano e que leva a refletir sobre “o seu lugar na vida da Igreja Diocesana e sobre o papel da comunicação social ao serviço do anúncio do Evangelho e da construção da comunidade cristã na unidade e na comunhão”, lê-se.

Enquanto se festeja os cem anos do jornal «Correio de Coimbra» e “damos graças a Deus pelos seus servidores, colaboradores e leitores, desde a sua fundação até ao presente”, D. Virgílio Antunes convoca a diocese “a crescer nas suas expressões de amor pela Igreja Diocesana, lendo o seu jornal”.

“Hoje, apesar da crise visível em algumas formas de comunicação, o panorama é alargado e há uma ampla cobertura do espaço da comunicação”, sublinha o responsável.

A edição desta semana conta com vários textos de opinião que fazem referência a esta data comemorativa.

LFS

Mar
19
Sáb
Portugal: Fundação «Fé e Cooperação» divulgou datas para formação de voluntários missionários
Mar 19 todo o dia

Foto FEC (arquivo 2019)

Lisboa, 16 set 2021 (Ecclesia) – A Fundação ‘Fé e Cooperação’ (FEC) divulgou as datas para as formações de voluntários missionários, que pretende realizar de forma presencial, a partir de janeiro de 2022, mas tem no ‘online’ um “plano B”, caso a pandemia agrave.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a FEC informa que este ano, devido à pandemia Covid-19,  vão “adotar alguns procedimentos mais específicos” para poderem realizar as sessões de formação de forma presencial.

A organização não-governamental para o desenvolvimento tem “sempre” a opção de realizar os encontros pelos meios digitais, um “plano B” caso a pandemia Covid-19 agrave e existam “impedimentos à realização presencial” destas sessões.

Segundo o programa, as sessões começam com a formação de formadores ‘e depois da missão?’, no dia 20 de novembro, em Fátima.

A formação para os voluntários missionários vai começar em janeiro de 2022, nos dias 8 e 9, sobre ‘Voluntariado Missionário e Espiritualidade’, em Lisboa.

A FEC vai dinamizar em Fátima as formações de fevereiro e março, respetivamente ‘Cooperação para o Desenvolvimento’ (12 e 13 de fevereiro), e ‘Missão, culturas e religiões’ (19 e 20 março).

A quarta sessão de formação é sobre ‘relações humanas e vida em grupo’, dias 23 e 24 de abril, em Leiria, e os voluntários missionários vão refletir sobre ‘desenvolvimento humano e dádiva cristã’ no último encontro, a 14 e 15 de maio, em Aveiro ou Coimbra.

A organização católica dinamiza a Rede do Voluntariado Missionário, desde 2002, e contextualiza que o voluntariado missionário distingue-se do voluntariado internacional para a cooperação “principalmente pela sua génese cristã-católica”.

A FEC foi fundada a 13 de março de 1990, pela Conferência Episcopal Portuguesa, pela Conferência dos Institutos Religiosos de Portugal (CIRP) e Federação Nacional dos Institutos Religiosos (FNIS) e desenvolve a sua missão em Portugal, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique.

CB

Mar
20
Dom
Portugal: Fundação «Fé e Cooperação» divulgou datas para formação de voluntários missionários
Mar 20 todo o dia

Foto FEC (arquivo 2019)

Lisboa, 16 set 2021 (Ecclesia) – A Fundação ‘Fé e Cooperação’ (FEC) divulgou as datas para as formações de voluntários missionários, que pretende realizar de forma presencial, a partir de janeiro de 2022, mas tem no ‘online’ um “plano B”, caso a pandemia agrave.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a FEC informa que este ano, devido à pandemia Covid-19,  vão “adotar alguns procedimentos mais específicos” para poderem realizar as sessões de formação de forma presencial.

A organização não-governamental para o desenvolvimento tem “sempre” a opção de realizar os encontros pelos meios digitais, um “plano B” caso a pandemia Covid-19 agrave e existam “impedimentos à realização presencial” destas sessões.

Segundo o programa, as sessões começam com a formação de formadores ‘e depois da missão?’, no dia 20 de novembro, em Fátima.

A formação para os voluntários missionários vai começar em janeiro de 2022, nos dias 8 e 9, sobre ‘Voluntariado Missionário e Espiritualidade’, em Lisboa.

A FEC vai dinamizar em Fátima as formações de fevereiro e março, respetivamente ‘Cooperação para o Desenvolvimento’ (12 e 13 de fevereiro), e ‘Missão, culturas e religiões’ (19 e 20 março).

A quarta sessão de formação é sobre ‘relações humanas e vida em grupo’, dias 23 e 24 de abril, em Leiria, e os voluntários missionários vão refletir sobre ‘desenvolvimento humano e dádiva cristã’ no último encontro, a 14 e 15 de maio, em Aveiro ou Coimbra.

A organização católica dinamiza a Rede do Voluntariado Missionário, desde 2002, e contextualiza que o voluntariado missionário distingue-se do voluntariado internacional para a cooperação “principalmente pela sua génese cristã-católica”.

A FEC foi fundada a 13 de março de 1990, pela Conferência Episcopal Portuguesa, pela Conferência dos Institutos Religiosos de Portugal (CIRP) e Federação Nacional dos Institutos Religiosos (FNIS) e desenvolve a sua missão em Portugal, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique.

CB

Abr
23
Sáb
Portugal: Fundação «Fé e Cooperação» divulgou datas para formação de voluntários missionários
Abr 23 todo o dia

Foto FEC (arquivo 2019)

Lisboa, 16 set 2021 (Ecclesia) – A Fundação ‘Fé e Cooperação’ (FEC) divulgou as datas para as formações de voluntários missionários, que pretende realizar de forma presencial, a partir de janeiro de 2022, mas tem no ‘online’ um “plano B”, caso a pandemia agrave.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a FEC informa que este ano, devido à pandemia Covid-19,  vão “adotar alguns procedimentos mais específicos” para poderem realizar as sessões de formação de forma presencial.

A organização não-governamental para o desenvolvimento tem “sempre” a opção de realizar os encontros pelos meios digitais, um “plano B” caso a pandemia Covid-19 agrave e existam “impedimentos à realização presencial” destas sessões.

Segundo o programa, as sessões começam com a formação de formadores ‘e depois da missão?’, no dia 20 de novembro, em Fátima.

A formação para os voluntários missionários vai começar em janeiro de 2022, nos dias 8 e 9, sobre ‘Voluntariado Missionário e Espiritualidade’, em Lisboa.

A FEC vai dinamizar em Fátima as formações de fevereiro e março, respetivamente ‘Cooperação para o Desenvolvimento’ (12 e 13 de fevereiro), e ‘Missão, culturas e religiões’ (19 e 20 março).

A quarta sessão de formação é sobre ‘relações humanas e vida em grupo’, dias 23 e 24 de abril, em Leiria, e os voluntários missionários vão refletir sobre ‘desenvolvimento humano e dádiva cristã’ no último encontro, a 14 e 15 de maio, em Aveiro ou Coimbra.

A organização católica dinamiza a Rede do Voluntariado Missionário, desde 2002, e contextualiza que o voluntariado missionário distingue-se do voluntariado internacional para a cooperação “principalmente pela sua génese cristã-católica”.

A FEC foi fundada a 13 de março de 1990, pela Conferência Episcopal Portuguesa, pela Conferência dos Institutos Religiosos de Portugal (CIRP) e Federação Nacional dos Institutos Religiosos (FNIS) e desenvolve a sua missão em Portugal, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique.

CB

Abr
24
Dom
Portugal: Fundação «Fé e Cooperação» divulgou datas para formação de voluntários missionários
Abr 24 todo o dia

Foto FEC (arquivo 2019)

Lisboa, 16 set 2021 (Ecclesia) – A Fundação ‘Fé e Cooperação’ (FEC) divulgou as datas para as formações de voluntários missionários, que pretende realizar de forma presencial, a partir de janeiro de 2022, mas tem no ‘online’ um “plano B”, caso a pandemia agrave.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a FEC informa que este ano, devido à pandemia Covid-19,  vão “adotar alguns procedimentos mais específicos” para poderem realizar as sessões de formação de forma presencial.

A organização não-governamental para o desenvolvimento tem “sempre” a opção de realizar os encontros pelos meios digitais, um “plano B” caso a pandemia Covid-19 agrave e existam “impedimentos à realização presencial” destas sessões.

Segundo o programa, as sessões começam com a formação de formadores ‘e depois da missão?’, no dia 20 de novembro, em Fátima.

A formação para os voluntários missionários vai começar em janeiro de 2022, nos dias 8 e 9, sobre ‘Voluntariado Missionário e Espiritualidade’, em Lisboa.

A FEC vai dinamizar em Fátima as formações de fevereiro e março, respetivamente ‘Cooperação para o Desenvolvimento’ (12 e 13 de fevereiro), e ‘Missão, culturas e religiões’ (19 e 20 março).

A quarta sessão de formação é sobre ‘relações humanas e vida em grupo’, dias 23 e 24 de abril, em Leiria, e os voluntários missionários vão refletir sobre ‘desenvolvimento humano e dádiva cristã’ no último encontro, a 14 e 15 de maio, em Aveiro ou Coimbra.

A organização católica dinamiza a Rede do Voluntariado Missionário, desde 2002, e contextualiza que o voluntariado missionário distingue-se do voluntariado internacional para a cooperação “principalmente pela sua génese cristã-católica”.

A FEC foi fundada a 13 de março de 1990, pela Conferência Episcopal Portuguesa, pela Conferência dos Institutos Religiosos de Portugal (CIRP) e Federação Nacional dos Institutos Religiosos (FNIS) e desenvolve a sua missão em Portugal, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique.

CB

Mai
14
Sáb
Portugal: Fundação «Fé e Cooperação» divulgou datas para formação de voluntários missionários
Mai 14 todo o dia

Foto FEC (arquivo 2019)

Lisboa, 16 set 2021 (Ecclesia) – A Fundação ‘Fé e Cooperação’ (FEC) divulgou as datas para as formações de voluntários missionários, que pretende realizar de forma presencial, a partir de janeiro de 2022, mas tem no ‘online’ um “plano B”, caso a pandemia agrave.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a FEC informa que este ano, devido à pandemia Covid-19,  vão “adotar alguns procedimentos mais específicos” para poderem realizar as sessões de formação de forma presencial.

A organização não-governamental para o desenvolvimento tem “sempre” a opção de realizar os encontros pelos meios digitais, um “plano B” caso a pandemia Covid-19 agrave e existam “impedimentos à realização presencial” destas sessões.

Segundo o programa, as sessões começam com a formação de formadores ‘e depois da missão?’, no dia 20 de novembro, em Fátima.

A formação para os voluntários missionários vai começar em janeiro de 2022, nos dias 8 e 9, sobre ‘Voluntariado Missionário e Espiritualidade’, em Lisboa.

A FEC vai dinamizar em Fátima as formações de fevereiro e março, respetivamente ‘Cooperação para o Desenvolvimento’ (12 e 13 de fevereiro), e ‘Missão, culturas e religiões’ (19 e 20 março).

A quarta sessão de formação é sobre ‘relações humanas e vida em grupo’, dias 23 e 24 de abril, em Leiria, e os voluntários missionários vão refletir sobre ‘desenvolvimento humano e dádiva cristã’ no último encontro, a 14 e 15 de maio, em Aveiro ou Coimbra.

A organização católica dinamiza a Rede do Voluntariado Missionário, desde 2002, e contextualiza que o voluntariado missionário distingue-se do voluntariado internacional para a cooperação “principalmente pela sua génese cristã-católica”.

A FEC foi fundada a 13 de março de 1990, pela Conferência Episcopal Portuguesa, pela Conferência dos Institutos Religiosos de Portugal (CIRP) e Federação Nacional dos Institutos Religiosos (FNIS) e desenvolve a sua missão em Portugal, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique.

CB

Mai
15
Dom
Portugal: Fundação «Fé e Cooperação» divulgou datas para formação de voluntários missionários
Mai 15 todo o dia

Foto FEC (arquivo 2019)

Lisboa, 16 set 2021 (Ecclesia) – A Fundação ‘Fé e Cooperação’ (FEC) divulgou as datas para as formações de voluntários missionários, que pretende realizar de forma presencial, a partir de janeiro de 2022, mas tem no ‘online’ um “plano B”, caso a pandemia agrave.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a FEC informa que este ano, devido à pandemia Covid-19,  vão “adotar alguns procedimentos mais específicos” para poderem realizar as sessões de formação de forma presencial.

A organização não-governamental para o desenvolvimento tem “sempre” a opção de realizar os encontros pelos meios digitais, um “plano B” caso a pandemia Covid-19 agrave e existam “impedimentos à realização presencial” destas sessões.

Segundo o programa, as sessões começam com a formação de formadores ‘e depois da missão?’, no dia 20 de novembro, em Fátima.

A formação para os voluntários missionários vai começar em janeiro de 2022, nos dias 8 e 9, sobre ‘Voluntariado Missionário e Espiritualidade’, em Lisboa.

A FEC vai dinamizar em Fátima as formações de fevereiro e março, respetivamente ‘Cooperação para o Desenvolvimento’ (12 e 13 de fevereiro), e ‘Missão, culturas e religiões’ (19 e 20 março).

A quarta sessão de formação é sobre ‘relações humanas e vida em grupo’, dias 23 e 24 de abril, em Leiria, e os voluntários missionários vão refletir sobre ‘desenvolvimento humano e dádiva cristã’ no último encontro, a 14 e 15 de maio, em Aveiro ou Coimbra.

A organização católica dinamiza a Rede do Voluntariado Missionário, desde 2002, e contextualiza que o voluntariado missionário distingue-se do voluntariado internacional para a cooperação “principalmente pela sua génese cristã-católica”.

A FEC foi fundada a 13 de março de 1990, pela Conferência Episcopal Portuguesa, pela Conferência dos Institutos Religiosos de Portugal (CIRP) e Federação Nacional dos Institutos Religiosos (FNIS) e desenvolve a sua missão em Portugal, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique.

CB