Calendário

[wcp-carousel id=”90845″]

Jul
8
Seg
Lisboa: Missionário apresenta livro que tem como objetivo o apoio a Moçambique
Jul 8@17:00_19:00

Foto: O padre Carlos Jacob trabalhou durante 13 anos como missionário em Moçambique, AE/JCP

Lisboa, 06 jul 2019 (Ecclesia) – O padre Carlos Jacob, dos Missionários de São João Batista, vai apresentar esta segunda-feira em Lisboa o livro ‘Missão em África: Lançar sementes, colher sorrisos’, cuja venda reverte a favor do trabalho da congregação em Moçambique e mais concretamente das vítimas dos ciclones naquele país

O lançamento deste projeto, que conta com o patrocínio da Caixa Geral de Depósitos, está marcado para as 17h00 no salão nobre (Sala D. Luís) das instalações do Edifício Sede da CGD, em Lisboa

O autor, o padre português Carlos Jacob, de 59 anos, integra a congregação dos Missionários de São João Batista, que está presente em Portugal mas também em outros países como é o caso de Moçambique, onde aquele sacerdote tem colaborado em várias missões.

Nos últimos meses, as atenções têm estado voltadas para a tragédia que atingiu aquele país lusófono há cerca de um mês, com a passagem do ciclone Idai, que provocou mais de 600 mortos, 70 mil desalojados e deixou pelo menos de 350 mil  em risco de vida.

Pouco tempo depois, o mesmo território foi atingido por um novo furação, batizado como Kenneth, que levou nova vaga de destruição ao país lusófono, embora felizmente em menor escala.

Fundada em 1948 na Alemanha, a congregação dos Missionários de São João Batista dedica-se ao apoio dos mais pobres e desfavorecidos e ao aprofundamento e anúncio da fé cristã junto das comunidades.

Na sessão de apresentação do livro ‘Missão em África: Lançar sementes, colher sorrisos’, do padre Carlos Jacob, nas instalações do Edifício Sede da CGD em Lisboa, estarão entre outras figuras o presidente da Cáritas Portuguesa, Eugénio Fonseca; Joana Clemente, da HELPO, Carlos Almeida, da HELPO Moçambique; Alfredo Filipe, da Câmara de Comércio Brasil-Portugal, e Paulo Moita de Macedo, da Caixa Geral de Depósitos.

JCP

Jul
20
Sáb
Açores:  Serviço Diocesano para a Mobilidade Humana peregrina aos santuários marianos europeus
Jul 20@11:00_Jul 30@11:24

O grupo de 30 peregrinos vai fazer o itinerário durante 10 dias 

Foto Agência ECCLESIA/PR, Fátima, Peregrino

Angra do Heroísmo, Açores, 20 jul 2019 (Ecclesia) – O Serviço Diocesano para a Mobilidade Humana promove, de de 20 a 30 de julho, uma peregrinação aos santuários marianos europeus. 

Segundo o portal de informação da diocese o grupo conta com “30 peregrinos de três ilhas, 19 de São MIguel, seis da Terceira e cinco do Faial ”.

O itinerário inicia em Fátima, já este sábado, de onde partem no dia a seguir para a Basílica do Bom Jesus de Braga, agora declarada Património Mundial da Unesco, rumo a Santiago de Compostela.

Os peregrinos vão passar por Lourdes (França), Barcelona para a visita à Basílica da Sagrada Família, Zaragoza, para a visitar a Basílica de Nossa Senhora do Pilar, Madrid para visitar Nossa Senhora da Almudena, na sua Catedral, o Palácio da Zarzuela, o Prado, e São Lourenço do Escorial.

O circuito é feito de autocarro e os peregrinos são acompanhados pelo diretor do Serviço Diocesano da Pastoral da Mobilidade Humana, cónego Jacinto Bento.

SN