Calendário

[wcp-carousel id=”90845″]

Jul
11
Qui
Bragança: Conferência sobre «A Igreja e as questões de género»
Jul 11@21:00

Bragança, 09 jul 2019 (Ecclesia) – No salão polivalente de Santo Condestável (Bragança) realiza-se, esta quinta-feira, pelas 21h00, uma conferência sobre «A Igreja e as questões de género».

A reflexão, promovida pela Paróquia de Santa Maria daquela cidade, tem com preletor o cónego Jorge Teixeira da Cunha, professor de Teologia na Universidade Católica Portuguesa, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

LFS

Igreja/Património: Ciclo de concertos «Música nas Catedrais 2019»
Jul 11@21:30

Lisboa, 09 jul 2019 (Ecclesia) – O Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja e a Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) promovem, de 28 deste mês a 26 de julho, às 21h30, a primeira edição do ciclo «Música nas Catedrais»

Esta iniciativa, que se enquadra no projeto nacional Rota das Catedrais, é coordenada pelo Teatro Nacional de São Carlos, que assegura diretamente alguns concertos através do Coro do Teatro Nacional de São Carlos, em colaboração com a Orquestra Clássica do Sul, a Orquestra Filarmonia das Beiras e a Orquestra do Norte, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O próximo concerto, esta quinta-feira (11 julho), realiza-se na Sé de Beja e tem como protagonistas o Coro do Teatro Nacional de São Carlos.

No dia seguinte (12 julho), o mesmo coro atua na Sé de Elvas (Arquidiocese de Évora).

O Coro do Teatro Nacional de São Carlos, um dos “pilares artísticos da única instituição que no nosso país se dedica há mais de dois séculos ao género lírico, propõe-nos uma deambulação pela ópera romântica italiana, sublinhando o facto de a religiosidade ter assumido na mesma uma particular importância”, refere o comunicado.

LFS

Jul
12
Sex
Igreja/Património: Ciclo de concertos «Música nas Catedrais 2019»
Jul 12@21:30

Lisboa, 09 jul 2019 (Ecclesia) – O Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja e a Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) promovem, de 28 deste mês a 26 de julho, às 21h30, a primeira edição do ciclo «Música nas Catedrais»

Esta iniciativa, que se enquadra no projeto nacional Rota das Catedrais, é coordenada pelo Teatro Nacional de São Carlos, que assegura diretamente alguns concertos através do Coro do Teatro Nacional de São Carlos, em colaboração com a Orquestra Clássica do Sul, a Orquestra Filarmonia das Beiras e a Orquestra do Norte, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O próximo concerto, esta quinta-feira (11 julho), realiza-se na Sé de Beja e tem como protagonistas o Coro do Teatro Nacional de São Carlos.

No dia seguinte (12 julho), o mesmo coro atua na Sé de Elvas (Arquidiocese de Évora).

O Coro do Teatro Nacional de São Carlos, um dos “pilares artísticos da única instituição que no nosso país se dedica há mais de dois séculos ao género lírico, propõe-nos uma deambulação pela ópera romântica italiana, sublinhando o facto de a religiosidade ter assumido na mesma uma particular importância”, refere o comunicado.

LFS

Set
4
Qua
Igreja/Património: Lançamento projeto «Caminhos de Santiago Alentejo e Ribatejo»
Set 4 todo o dia

Santiago do Cacém, 02 set 2019 (Ecclesia) – Na Igreja Matriz de Santiago do Cacém (Diocese de Beja) vai realizar-se, dia 04 deste mês, às 10h00, o lançamento do projeto «Caminhos de Santiago Alentejo e Ribatejo».

O programa desta cerimónia conta com a apresentação do filme promocional e da história dos caminhos, a bênção dos percursos pelo bispo de Beja e dois painéis de debate sob os temas “Os Peregrinos – Desafios e Expectativas” e “Dinamização dos Caminhos – Presente e Futuro”, entre outras iniciativas, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

Dividido em três percursos diferentes o projeto «Caminhos de Santiago Alentejo Ribatejo» visa resgatar a história e o simbolismo da fé e da espiritualidade para peregrinos e caminhantes, através da oferta de experiências que permitam descobrir paisagens, hábitos e tradições populares, mas sobretudo a vivência do património religioso existente no território, ao longo de 1400 quilómetros.

Esta iniciativa conta com presença da secretária de Estado do Turismo, da diretora regional de Cultura do Alentejo, do líder da autarquia local, da comissária do Jacobeu 2021, do ministro regional da Cultura e Turismo da Galiza e do deão da Catedral de Santiago de Compostela (Espanha).

LFS

Set
27
Sex
Bragança: Conferência sobre o Dia Mundial do Migrante e Refugiado
Set 27@11:30_12:30

Bragança, 24 set 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Bragança-Miranda vai assinalar o Dia Mundial do Migrante e Refugiado, dia 27 de setembro, pelas 11h30, com a palestra «Não se trata apenas de Migrantes».

Esta iniciativa que se realiza no auditório da Escola Secundária Emídio Garcia, em Bragança, tem como orador o padre Alfredo Gonçalves (assessor para a Mobilidade Humana da Conferência Episcopal Brasileira – CNBB) e estará também presente Eugénia Quaresma, diretora da Obra Católica Portuguesa das Migrações, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Uma reflexão para “conhecer e dialogar sobre os atuais desafios que o fenómeno migratório traz” e desta forma “promover algumas dimensões essenciais da humanidade”.

LFS

Set
28
Sáb
Beja: Ordenação de diácono na Sé
Set 28@10:30

Beja, 10 set 2019 (Ecclesia) – Na Sé de Beja vai ser, dia 28 deste mês, ordenado diácono o candidato ao presbitério Francisco Diogo Costa Molho.

A celebração, pelas 10h30, vai ser presidida por D. João Marcos, bispo de Beja, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Após a Eucaristia será servido o almoço no refeitório do Seminário de Beja.

LFS

Out
10
Qui
Bragança: Debate sobre a intervenção social nas regiões em Carrazeda de Ansiães
Out 10_Out 11 todo o dia

Bragança, 04 out 2019 (Ecclesia) – O II encontro de serviço social promovido pelo Centro Social Paroquial do Pombal (Diocese de Bragança – Miranda) tem como tema «A intervenção social na promoção e desenvolvimento sustentável das regiões».

O encontro terá lugar nos dias 10 e 11 de outubro, no Centro de Inovação Tecnológico Inovarural, em Carrazeda de Ansiães, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

A iniciativa dirige-se a técnicos da área social e pretende ser «um momento de partilha e reflexão sobre os serviços prestados à comunidade», salienta o padre Bruno Dias, presidente do Centro Social Paroquial do Pombal.

Ao longo dos dois dias, através de vários oradores nacionais e internacionais, serão debatidos «temas que vão desde a saúde à segurança social, passando pelas questões de igualdade, género e cidadania, e educação», frisa o sacerdote

LFS

Out
17
Qui
Bragança: Iniciativas no Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja
Out 17_Out 18 todo o dia

Bragança, 10 out 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Bragança-Miranda vai assinalar com várias iniciativas (17 e 18 de outubro), o Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja, no concelho de Miranda do Douro.

No dia 17 de outubro, o Centro de Conservação e Restauro (CCR), em Sendim, vai ter as portas abertas para “dar a conhecer o como e porquê do trabalho desenvolvido, os materiais e técnicas utilizadas, as distintas áreas científicas que abrange a profissão, assim como tem a pretensão de sensibilizar para o património”, salienta Joana Afonso, diretora do CCR.

Além da comunidade escolar do Agrupamento de Escolas de Miranda do Douro (alunos do 12.º ano e do Curso Profissional de Turismo), o CCR espera receber todos os interessados em história e património.

No dia seguinte estão previstas duas ações de sensibilização para a conservação do património religioso: uma na igreja da Senhora da Expetação, em Malhadas, e outra na igreja de S. Pedro, em S. Martinho de Angueira.

Com estas ações pretende-se “alertar as comunidades paroquiais para as boas práticas de conservação do património religioso, e que vão desde a escultura à talha passando pela pintura, pela ourivesaria e os têxteis”, refere o padre António Pires.

Para o presidente da Comissão Diocesana de Arte Sacra e Bens Culturais, este tipo de ações “pretendem sobretudo incentivar a mudanças nas práticas incorretas”, salienta.

LFS

 

Out
27
Dom
Igreja/Património: Bispo de Bragança-Miranda inaugura exposição sobre missionários
Out 27@12:00

Bragança, 23 out 2019 (Ecclesia) – O Bispo de Bragança-Miranda, D. José Cordeiro, inaugura, dia 27 deste mês, às 12h00, no Convento de São Filipe de Néry, em Freixo de Espada-à-Cinta, a exposição «Missionários – Diocese de Bragança-Miranda para o Mundo».

Esta iniciativa é dedicada “a todos os missionários do passado e presente, oriundos da Diocese de Bragança-Miranda e pertencentes a todas as congregações religiosas”, refere o diretor do Secretariado diocesano das Missões, Padre Francisco Pimparel.

A exposição percorre períodos desde o século XVI ao século passado e estará patente no Convento de São Filipe de Néry, um espaço “que está agora sem culto e que pretende ser museu”, sublinha uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

A Paróquia de São Miguel de Freixo de Espada-à-Cinta, a Câmara Municipal e a Diocese vão efetuar “uma candidatura a fundos comunitários para criar um museu missionário” afirma.

«Missionários / Diocese de Bragança-Miranda para o Mundo» estará patente ao público até outubro de 2020 podendo ser visitada diariamente no seguinte horário: 09h30-12h30 e 14h00-17h30.

LFS

Nov
16
Sáb
Bragança: Edição do «GODTalent» na localidade de Macedo de Cavaleiros
Nov 16@16:00

Bragança, 20 out 2019 (Ecclesia) – O Secretariado da Pastoral Juvenil Vocacional (SPJV) da Diocese de Bragança-Miranda está a promover “mais” uma edição do “GODTalent”, a realizar, dia 16 de novembro, no Centro D. Abílio Vaz das Neves, em Macedo de Cavaleiros.

Esta iniciativa é um concurso “de talentos” aberto a todos os jovens da diocese e que tem por objetivos dinamizar a pastoral dos jovens, incentivar a criação artística partindo dos valores da cidadania e humano-cristãos», realça a responsável do SPJV, irmã Conceição Borges, num comunicado enviado à Agência ECCLESIA.

Para a responsável, o concurso também pretende ser “um tempo de partilha e de crescimento dinâmico da fé”, salienta.

O programa prevê o acolhimento e dinâmicas de grupo, às 16h00, no salão multiusos, as atuações às 17h00 e um jantar partilhado às 19h00.

LFS

Nov
24
Dom
Bragança: Iniciativa «Encontros improváveis: conversas da Fé»
Nov 24@15:00

Bragança, 24 nov 2019 (Ecclesia) – A igreja matriz de Alfândega da Fé (Diocese de Bragança-Miranda) acolhe hoje, às 15h00, a iniciativa «Encontros improváveis: conversas da Fé».

Nesta atividade vão estar presentes “nomes de referência em distintas áreas e com raízes neste território”, como o D. José Cordeiro, Paulo Mendes Pinto, Duarte Soares, Paulo Meirinhos, com moderação de Fátima Pimparel, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

«Encontros improváveis: conversas da Fé» enquadra-se na celebração dos 75 anos da consagração do concelho de Alfândega da Fé ao Imaculado Coração de Maria e onde são feitas reflexões sobre “o sentido da vida, do lugar da fé e do papel do crente na sociedade civil, tendo sempre como horizonte a promoção integral e a defesa da pessoa humana”.

LFS

Nov
30
Sáb
Bragança: Vila Flor acolhe abertura do ano litúrgico e pastoral
Nov 30 todo o dia

Bragança, 31 out 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Bragança-Miranda inicia, dia 30 de novembro, em Vila Flor (Centro Cultural) o novo ano litúrgico e pastoral dedicado ao dom da caridade e mistério de vida eterna

Na sessão de abertura, presidida por D. José Cordeiro, segue-se uma conferência pelo padre António Valério, jesuíta, diretor da Rede Mundial de Oração do Papa em Portugal, lê-se no programa enviado à Agência ECCLESIA.

Após a conferência apresenta-se o Plano Pastoral 2019/2020 pelo padre José Bento Soares, vigário episcopal para a Ação Pastoral e Diaconia da Caridade.

Depois do almoço realiza-se uma mesa redonda («Uma Palavra de Partilha») onde alguns agentes pastorais abordarão as procissões enquanto atos de fé, o papel dos acólitos e dos ministros extraordinários da comunhão, a fé dos ciganos, e o canto litúrgico.

LFS

Dez
1
Dom
Beja: Diocese vai celebrar 250 anos da sua restauração
Dez 1 todo o dia

Programa das comemorações é apresentado esta quarta-feira, 10 de julho

Beja, 08 jul 2019 (Ecclesia) – A diocese de Beja prepara-se para a celebração dos 250 anos da sua restauração, reconhecendo uma “história difícil e dramática” mas que importa assinalar junto do povo que “deseja e precisa da mãe Igreja”.

“A Igreja sempre foi mãe, neste novo contexto sublinha a dimensão da maternidade, porque as pessoas no fundo, desejam e precisam dessa maternidade. Estas festividades poderão ajudar nesse sentido”, explica à Agência ECCLESIA D. João Marcos, bispo diocesano desde 2016, que fará a apresentação pública das comemorações na tarde do dia 10.

“Estamos num tempo novo, de término e início de outras. Vamos devagarinho, mas há vida, há festa”, sublinha, recordando uma nota escrita aos diocesanos onde convida “diocesanos e não diocesanos” para um programa de celebração, com início marcado para 1 de dezembro e encerramento a 22 de novembro de 2020.

Para contar a história da diocese estará patente uma exposição, na pousada de São Francisco, desde 1 de março a 9 de maio, que será objeto de visita dos seis arciprestados de Beja.

A par da exposição, estão previstas conferências com convidados que falarão da história mas também do futuro da diocese, a última a cargo do Arcebispo de Évora, D. Senra Coelho, sobre «Como olhar hoje e que lição tirar dos fatores e circunstâncias culturais, sociais, políticas e religiosas explicativas da descristianização do Alentejo no passado?»

Reconhece D. João Marcos a raiz católica de muitos diocesanos mas, afirma, “a semente não germinou”.

“A maioria das pessoas reconhece-se católica e foi batizada, apesar de essa semente não ter germinado. Esse é o problema deste Portugal que temos hoje, dos católicos portugueses que somos e desta diocese”, lamenta.

O bispo titular desde 2016 acredita que conhecer a história da diocese irá ajudar os cristãos a um relacionamento e prática mais assídua, contando para isso com a publicação, “em setembro”, de um livro da autoria do padre Luís Taborda, pároco de Castro Verde, e o cónego António Aparício.

O próximo ano vai ainda ser marcado pela oração.

“A diocese é convidada a praticar a oração: nas laudes, vésperas, antes das refeições, orações em família. Vemos que o ir à missa é o único momento de oração dos que praticam e é muito pouco”, lamento o responsável.

Numa carta dirigida aos diocesanos, D. João Marcos aponta a diocese como um terreno a ser “semeado”.

“A diocese é hoje um grande terreno que precisa de ser lavrado e semeado para produzir uma seara nova. Estas festas dos 250 anos da restauração da diocese deverão marcar o início desse tempo novo”, afirma.

LS

Dez
8
Dom
Bragança: Campanha «Natal na Prisão» recolhe meias e sabonetes
Dez 8 todo o dia

Bragança, 22 nov 2019 (Ecclesia) – O Serviço da Pastoral Penitenciária da Diocese de Bragança-Miranda, em colaboração com a Cáritas Diocesana, está a promover de, 16 deste mês a 08 de dezembro, a campanha «Natal na Prisão».

A ação consiste na “recolha de meias e sabonetes”, para os cerca de 500 reclusos dos Estabelecimentos Prisionais de Bragança e de Izeda, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA

Esta campanha anual procura levar “a boa nova do nascimento de Cristo aos Estabelecimentos Prisionais”, além “dos donativos que serão entregues às pessoas privadas de liberdade como presentes de Natal”, procura-se sobretudo “sensibilizar a sociedade para esta realidade oculta à maioria da população”, lê-se.

As Unidades Pastorais, paróquias, IPSS e estabelecimentos de ensino são convidadas a aderir à campanha.

LFS

Bragança: Professores de EMRC promovem «Natal de Proximidade»
Dez 8 todo o dia

Bragança, 29 nov 2019 (Ecclesia) – Os professores de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC) do Agrupamento de Escolas Miguel Torga de Bragança promovem, até dia 08 de dezembro, a ação «Natal de Proximidade».

Uma ação que visa concretizar “gestos concretos de solidariedade, sentimento maior e causa de felicidade, com a recolha de alimentos não perecíveis (enlatados, massas, arroz, feijão, grão, leite, azeite, farinha, salsichas, cereais, bolachas), calçado e roupa, para apoiar, em confidencialidade, alunos carenciados do agrupamento e já sinalizados”, sublinha um comunicado enviado à Agência ECCLESIA.

Ao participar nesta iniciativa, o Natal “já começou no coração de cada um”, refere o professor de EMRC, Jorge Novo.

LFS