Calendário

[wcp-carousel id=”90845″]

Jun
14
Sex
Bragança: Conversa «Viagens de Vida» com o jesuíta Paulo Duarte
Jun 14@21:00

Bragança, 06 jun 2019 (Ecclesia) – O padre jesuíta Paulo Duarte é o orador, dia 14 deste mês, às 21h00, em Mirandela (Diocese de Bragança-Miranda), na iniciativa «Viagens de Vida».

A atividade destina-se aos adolescentes, jovens, acólitos, pré-seminaristas, seminaristas, grupos e animadores juvenis dos 4 arciprestados da Diocese de Bragança-Miranda realiza-se no auditório Piaget daquela cidade, e conta também com a participação de D. José Cordeiro, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

“O poder da dança na busca de sentido e reconciliação, e a importância de escutar, ver, tocar, cheirar e saborear o que nos rodeia” são alguns tópicos da conversa deste padre jesuíta natural de Portimão e que trabalhou como comissário de bordo numa companhia aérea.

Um dia aventurou-se numa peregrinação do CUPAV (Centro Universitário Padre António Vieira), ao Santuário de Fátima, e perante “algumas dúvidas e pensamentos soltos decidiu trocar a companhia área, onde era comissário de bordo, pela Companhia de Jesus”.

Licenciado em Ergonomia, em Filosofia pela Universidade Católica de Braga e em Teologia pela Facultad de Teología – UPComillas/Madrid, é mestre em Teologia Fundamental (Centre Sèvres/Paris) com a tese «Tomorrow shall be my dancing day – pistas para um estudo teológico da dança e do corpo».

LFS

 

Jun
19
Qua
Igreja/Cultura: Conferência sobre o bispo madeirense D. Estêvão de Alencastre
Jun 19@18:00

Funchal, Madeira, 18 jun 2019 (Ecclesia) – O bispo madeirense D. Estêvão de Alencastre vai ser tema de uma preleção, esta terça-feira, às 18h00, no Teatro Municipal Dias (Funchal – Ilha da Madeira).

Esta iniciativa está integrada no ciclo «Conferências do Teatro – Madeira de A a Z» e tem como oradora Susana Caldeira, lê-se no programa enviado à Agência ECCLESIA.

Para além da abordagem sobre o bispo madeirense que exerceu o seu múnus episcopal no Havai, Gregório Gouveia falará com o tema «Advocacia».

O Bispo do Hawai, como ficou conhecido D. Estevão de Alencastre, nasceu na Ilha do Porto Santo (Bairro da Vila) no dia 3 de Novembro de 1876 e foi com os pais, tal como milhares de madeirenses, para o Havai.

D. Estevão de Alencastre teve um papel relevante na história da congregação missionária dos Sagrados Corações de Jesus e Maria.

O seu episcopado ficou marcado pelo “aumento dos clérigos e de paróquias em todos os distritos havaianos, pela construção de novas igrejas e pela remodelação da Catedral de Nossa Senhora da Paz em Honolulu, e ainda pelo seu empenho na educação e formação católica dos jovens residentes em Havai, independentemente da nacionalidade ou descendência”, realça a nota.

LFS

Jun
24
Seg
Bragança: Bênção e início das obras do Mosteiro Trapista
Jun 24@15:00

Bragança, 04 jun 2019 (Ecclesia) – A bênção e início obra da Casa de Acolhimento do Mosteiro Trapista, em Palaçoulo, Miranda do Douro (Diocese de Bragança-Miranda) realiza-se a 24 deste mês, naquela localidade.

A cerimónia começa às 15h00 com a celebração Eucaristia na igreja matriz da Paróquia de São Miguel de Palaçoulo e às 16h00 a “bênção no começo da obra da Casa de Acolhimento do Mosteiro Trapista de Santa Maria, Mãe da Igreja”, comunidade de monjas trapistas, da Ordem Cisterciense da Estrita Observância, ligada ao Mosteiro de Vitorchiano, em Itália, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

LFS

Bragança-Miranda: Diocese vai acolher mosteiro de monjas trapistas

Bragança-Miranda: Mosteiro trapista vai ser fundado com 10 monjas italianas

 

Jun
26
Qua
Funchal: Coleção sobre o património religioso do concelho da Calheta
Jun 26 todo o dia

Funchal, Madeira, 24 jun 2019 (Ecclesia) – O Centro de Estudos e Desenvolvimento, Educação, Cultura e Social da Calheta (Diocese do Funchal) lança, dia 26 deste mês, uma “coleção inédita sobre o património religioso” daquele concelho.

O primeiro volume é referente à freguesia do Arco da Calheta, nomeadamente às paróquias do Loreto e do Arco da Calheta, intitula-se “Arco da Calheta, património religioso e alguns aspectos do quotidiano”, uma investigação do professor Paulo Ladeira, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

A apresentação vai ser feita pelo bispo do Funchal, D. Nuno Brás, e pela historiadora do CLEPUL, Cristina Trindade, e conta com a presença do presidente da Câmara Municipal da Calheta, Carlos Teles e do secretário Regional da Educação, Jorge Carvalho

O lançamento, na igreja paroquial do Arco da Calheta, faz parte das comemorações dos 517 anos de elevação a Vila do Município da Calheta e no livro, ao longo de 25 capítulos e 336 páginas, ilustrado com fotografias e um mapa, é apresentado o resultado da investigação ao património religioso, edificado na freguesia, desde os finais do século XV até à actualidade.

Um dos capítulos do livro é de autoria do professor Manuel da Silva Leça e intitula-se “Arco da Calheta – costumes religiosos e sociais nesta freguesia, nos anos de 1930 a 1950”.

O prefácio é do bispo do Funchal, D. Nuno Brás, e o posfácio é do professor madeirense José Eduardo Franco, Diretor CIDH – Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização da Universidade Aberta/CLEPUL – Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

LFS

Jul
1
Seg
Funchal: Figuras católicas agraciadas no Dia da Região
Jul 1 todo o dia

DR

Funchal, Madeira, 25 jun 2019 (Ecclesia) – O padre salesiano Fernando Eusébio de Castro e as Irmãs Hospitaleiras do Sagrado Coração de Jesus vão ser galardoados, dia 01 de julho, pelo Governo Regional da Madeira no dia em que se celebra o Dia da Região.

Na cerimónia que decorre no Fórum Machico o padre salesiano Fernando Eusébio de Castro recebe, a título póstumo, a Insígnia Autonómica de Distinção, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Entre as 10 Insígnias Autonómica de Bons Serviços que serão impostas no próximo dia 1 de Julho, uma delas é atribuída às Irmãs Hospitaleiras do Sagrado Coração de Jesus, nas duas instituições que gerem na Região (Casa de Saúde Câmara Pestana e Centro de Reabilitação Psicopedagógica da Sagrada Família).

O historiador Alberto Vieira, falecido a 25 de fevereiro do corrente ano, receberá, a título póstumo, a mais alta condecoração regional: a Insígnia Autonómica de Valor.

As Insígnias Honoríficas Madeirenses, cujo regime jurídico foi aprovado em 2003, visam distinguir, em vida ou a título póstumo, os cidadãos, coletividades ou instituições que se notabilizarem por méritos pessoais ou institucionais, atos, feitos cívicos ou serviços prestados à Região.

Desde então, por ocasião das comemorações do «Dia da Região e das Comunidades Madeirenses», assinalado a 01 de julho de cada ano, são distinguidos pelo Governo Regional aqueles que, de acordo com o que está definido na referida legislação, deram o seu contributo à Madeira e à sua população.

LFS

 

Jul
6
Sáb
Bragança: Ordenação sacerdotal de Jorge Miguel Pinto
Jul 6@16:00

Bragança, 31 mai 2019 (Ecclesia) – O diácono Jorge Miguel Afonso Pinto da Diocese de Bragança-Miranda vai ser ordenado padre dia 06 de julho, 16h00, na catedral da diocese transmontana, por D. José Cordeiro.

Natural de Bragança, com ascendência materna em Lagoa, Macedo de Cavaleiros, foi batizado a 08 de dezembro de 1995 tendo ingressado no Seminário em 2012.

Estudou teologia na Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa, em Braga, e fez estágio pastoral nas Unidades Pastorais de Santa Maria do Sabor e de São Bento, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

No presente ano litúrgico-pastoral, além da visita aos doentes, o diácono tem colaborado com as Instituições Particulares de Solidariedade Social da Unidade Pastoral de São Bento,

LFS

Jul
11
Qui
Bragança: Conferência sobre «A Igreja e as questões de género»
Jul 11@21:00

Bragança, 09 jul 2019 (Ecclesia) – No salão polivalente de Santo Condestável (Bragança) realiza-se, esta quinta-feira, pelas 21h00, uma conferência sobre «A Igreja e as questões de género».

A reflexão, promovida pela Paróquia de Santa Maria daquela cidade, tem com preletor o cónego Jorge Teixeira da Cunha, professor de Teologia na Universidade Católica Portuguesa, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

LFS

Jul
24
Qua
Férias: Juventude convidada a viver um «verão hospitaleiro» com S. João de Deus
Jul 24_Jul 31 todo o dia

«Compromisso, solidariedade, serviço, oração» são as propostas para os Campos de Férias

Lisboa, 04 jul 2019 (Ecclesia) – A Juventude Hospitaleira vai promover campos de férias onde os jovens podem experimentar algo que “os ajude a ver o mundo de forma diferente”, durante as férias de verão, entre julho e setembro, em Portugal continental e ilhas.

“No programa há várias dinâmicas que contagiam o jovem com o vírus da hospitalidade, sobretudo o contacto real com pessoas diferentes ao mesmo tempo iguais, algo que entusiasma muito os jovens que se deixam tocar pelo sofrimento do outro”, disse o padre Alberto Mendes em declarações à Agência ECCLESIA.

O sacerdote explica que na iniciativa ‘Verão Hospitaleiro com S. João de Deus’ os jovens vão “descobrindo como é bom estar inteiramente para o outro que precisa” e, normalmente, os participantes querem “repetir a experiência e até a viver mais a hospitalidade no seu dia-a-dia”.

A Juventude Hospitaleira informa que ‘compromisso, solidariedade, serviço, oração’ são palavras-chave para os campos de férias que vão tornar o “verão inesquecível” e a primeira semana, entre 24 e 31 de julho, é na Casa de Saúde do Telhal, no Concelho de Sintra, e “há sempre surpresas” no programa da iniciativa que vai ser replicada na Arquidiocese de Braga, regressa ao Patriarcado de Lisboa e realiza-se também nas Dioceses de Angra e Funchal.

“No Telhal, concretamente, temos a oportunidade de ter instalações próprias, um centro da juventude, mesmo ao lado das pessoas que precisam da ajuda voluntária e solidária dos jovens, onde podem fazer o seu dia-a-dia durante uma semana sem ir a casa”, assinala o padre Alberto Mendes.

Os jovens vão participar em atividades de voluntariado com doentes de foro psiquiátrico, “concretamente de animação, convívio e ajuda em pequenas atividades” e o sacerdote dos Irmãos de São João de Deus acrescenta que também há “momentos de formação, oração e partilha com dinâmicas”.

A Juventude Hospitaleira, movimento juvenil católico, foi fundada pelos Irmãos de São João de Deus e pelas Irmãs Hospitaleiras do Sagrado Coração de Jesus, em 1988, e, segundo o entrevistado, o carisma da hospitalidade “continua a ser muito importante” no mundo.

“Através de pequenos gestos podemos fazer a diferença tornando-nos mais próximos das pessoas, dando mais sentido a muitas vidas que, por vezes, parece que andam sem norte”, salientou o padre Alberto Mendes.

CB/

Jul
27
Sáb
Funchal: Bispo preside à ordenação de dois sacerdotes
Jul 27@10:00

Foto Diocese do Funchal

Funchal, 09 jul 2019 (Ecclesia) – O bispo do Funchal, D. Nuno Brás, vai presidir à celebração da ordenação sacerdotal de André João Freitas Pinheiro e Marco Augusto Barros de Abreu, no próximo dia 27, a partir das 10h00 na Sé.

A Diocese do Funchal informa que dois dias antes da ordenação presbiteral, a 25 de julho, vai ser celebrada uma Vigília de Oração pelos futuros jovens sacerdotes às 20h00, na igreja do Colégio.

André João Freitas Pinheiro vai celebrar a sua Missa nova no domingo a seguir à ordenação (dia 28 de julho), às 16h00, na igreja paroquial de Santo António

O diácono André Pinheiro depois de ter estudado um ano de Enfermagem, na Escola Superior de Enfermagem de S. José de Clunny, entrou para o Seminário Diocesano do Funchal e foi estudar para o Patriarcado de Lisboa, a 10 de setembro de 2012 para frequentar o ano Propedêutico.

Já Marco Augusto Barros de Abreu celebra a sua Missa nova dia 4 de agosto, às 16h00, na igreja paroquial do Curral das Freiras; Entrou para o seminário diocesano a 19 de setembro de 2008, para o 9.º ano de escolaridade, e passados quatro anos, em 2012, também foi estudar para Lisboa, informa a Diocese do Funchal.

CB

Set
27
Sex
Bragança: Conferência sobre o Dia Mundial do Migrante e Refugiado
Set 27@11:30_12:30

Bragança, 24 set 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Bragança-Miranda vai assinalar o Dia Mundial do Migrante e Refugiado, dia 27 de setembro, pelas 11h30, com a palestra «Não se trata apenas de Migrantes».

Esta iniciativa que se realiza no auditório da Escola Secundária Emídio Garcia, em Bragança, tem como orador o padre Alfredo Gonçalves (assessor para a Mobilidade Humana da Conferência Episcopal Brasileira – CNBB) e estará também presente Eugénia Quaresma, diretora da Obra Católica Portuguesa das Migrações, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Uma reflexão para “conhecer e dialogar sobre os atuais desafios que o fenómeno migratório traz” e desta forma “promover algumas dimensões essenciais da humanidade”.

LFS

Out
10
Qui
Bragança: Debate sobre a intervenção social nas regiões em Carrazeda de Ansiães
Out 10_Out 11 todo o dia

Bragança, 04 out 2019 (Ecclesia) – O II encontro de serviço social promovido pelo Centro Social Paroquial do Pombal (Diocese de Bragança – Miranda) tem como tema «A intervenção social na promoção e desenvolvimento sustentável das regiões».

O encontro terá lugar nos dias 10 e 11 de outubro, no Centro de Inovação Tecnológico Inovarural, em Carrazeda de Ansiães, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

A iniciativa dirige-se a técnicos da área social e pretende ser «um momento de partilha e reflexão sobre os serviços prestados à comunidade», salienta o padre Bruno Dias, presidente do Centro Social Paroquial do Pombal.

Ao longo dos dois dias, através de vários oradores nacionais e internacionais, serão debatidos «temas que vão desde a saúde à segurança social, passando pelas questões de igualdade, género e cidadania, e educação», frisa o sacerdote

LFS

Out
17
Qui
Bragança: Iniciativas no Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja
Out 17_Out 18 todo o dia

Bragança, 10 out 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Bragança-Miranda vai assinalar com várias iniciativas (17 e 18 de outubro), o Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja, no concelho de Miranda do Douro.

No dia 17 de outubro, o Centro de Conservação e Restauro (CCR), em Sendim, vai ter as portas abertas para “dar a conhecer o como e porquê do trabalho desenvolvido, os materiais e técnicas utilizadas, as distintas áreas científicas que abrange a profissão, assim como tem a pretensão de sensibilizar para o património”, salienta Joana Afonso, diretora do CCR.

Além da comunidade escolar do Agrupamento de Escolas de Miranda do Douro (alunos do 12.º ano e do Curso Profissional de Turismo), o CCR espera receber todos os interessados em história e património.

No dia seguinte estão previstas duas ações de sensibilização para a conservação do património religioso: uma na igreja da Senhora da Expetação, em Malhadas, e outra na igreja de S. Pedro, em S. Martinho de Angueira.

Com estas ações pretende-se “alertar as comunidades paroquiais para as boas práticas de conservação do património religioso, e que vão desde a escultura à talha passando pela pintura, pela ourivesaria e os têxteis”, refere o padre António Pires.

Para o presidente da Comissão Diocesana de Arte Sacra e Bens Culturais, este tipo de ações “pretendem sobretudo incentivar a mudanças nas práticas incorretas”, salienta.

LFS

 

Out
26
Sáb
Madeira: Diocese do Funchal organiza jornada da juventude
Out 26@17:00_Out 27@17:00

Funchal, Madeira, 05 ago 2019 (Ecclesia) – O Secretariado Diocesano da Pastoral da Juventude do Funchal está a organizar a primeira jornada dedica aos jovens da diocese, com o tema ‘Cristo Vive e quer-te vivo’, nos dias 26 e 27 de outubro.

A Diocese do Funchal informa que a “primeira Jornada Diocesana da Juventude” tem um programa com “fé, animação, música, diversos workshops e muito mais”, no Colégio de Santa Teresinha.

O encontro ‘Cristo Vive e quer-te vivo’ que está a ser organizado pelo Secretariado Diocesano da Pastoral da Juventude tem a duração de 24 horas, vai começar às 17h00 do dia 26 de outubro, e termina à mesma hora no dia seguinte.

‘Cristo Vive’ é o nome da exortação apostólica do Papa Francisco dedicada aos jovens, que foi publicada a 2 de abril, e dá sequência à assembleia do Sínodo dos Bispos que decorreu em outubro de 2018, sobre a relação entre os jovens e a Igreja Católica; O documento, com nove capítulos e 299 pontos, foi assinado a 25 de março, no santuário mariano do Loreto (Itália).

CB

Out
27
Dom
Igreja/Património: Bispo de Bragança-Miranda inaugura exposição sobre missionários
Out 27@12:00

Bragança, 23 out 2019 (Ecclesia) – O Bispo de Bragança-Miranda, D. José Cordeiro, inaugura, dia 27 deste mês, às 12h00, no Convento de São Filipe de Néry, em Freixo de Espada-à-Cinta, a exposição «Missionários – Diocese de Bragança-Miranda para o Mundo».

Esta iniciativa é dedicada “a todos os missionários do passado e presente, oriundos da Diocese de Bragança-Miranda e pertencentes a todas as congregações religiosas”, refere o diretor do Secretariado diocesano das Missões, Padre Francisco Pimparel.

A exposição percorre períodos desde o século XVI ao século passado e estará patente no Convento de São Filipe de Néry, um espaço “que está agora sem culto e que pretende ser museu”, sublinha uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

A Paróquia de São Miguel de Freixo de Espada-à-Cinta, a Câmara Municipal e a Diocese vão efetuar “uma candidatura a fundos comunitários para criar um museu missionário” afirma.

«Missionários / Diocese de Bragança-Miranda para o Mundo» estará patente ao público até outubro de 2020 podendo ser visitada diariamente no seguinte horário: 09h30-12h30 e 14h00-17h30.

LFS

Nov
16
Sáb
Bragança: Edição do «GODTalent» na localidade de Macedo de Cavaleiros
Nov 16@16:00

Bragança, 20 out 2019 (Ecclesia) – O Secretariado da Pastoral Juvenil Vocacional (SPJV) da Diocese de Bragança-Miranda está a promover “mais” uma edição do “GODTalent”, a realizar, dia 16 de novembro, no Centro D. Abílio Vaz das Neves, em Macedo de Cavaleiros.

Esta iniciativa é um concurso “de talentos” aberto a todos os jovens da diocese e que tem por objetivos dinamizar a pastoral dos jovens, incentivar a criação artística partindo dos valores da cidadania e humano-cristãos», realça a responsável do SPJV, irmã Conceição Borges, num comunicado enviado à Agência ECCLESIA.

Para a responsável, o concurso também pretende ser “um tempo de partilha e de crescimento dinâmico da fé”, salienta.

O programa prevê o acolhimento e dinâmicas de grupo, às 16h00, no salão multiusos, as atuações às 17h00 e um jantar partilhado às 19h00.

LFS