Calendário

[wcp-carousel id=”90845″]

Jul
8
Seg
Lisboa: Missionário apresenta livro que tem como objetivo o apoio a Moçambique
Jul 8@17:00_19:00

Foto: O padre Carlos Jacob trabalhou durante 13 anos como missionário em Moçambique, AE/JCP

Lisboa, 06 jul 2019 (Ecclesia) – O padre Carlos Jacob, dos Missionários de São João Batista, vai apresentar esta segunda-feira em Lisboa o livro ‘Missão em África: Lançar sementes, colher sorrisos’, cuja venda reverte a favor do trabalho da congregação em Moçambique e mais concretamente das vítimas dos ciclones naquele país

O lançamento deste projeto, que conta com o patrocínio da Caixa Geral de Depósitos, está marcado para as 17h00 no salão nobre (Sala D. Luís) das instalações do Edifício Sede da CGD, em Lisboa

O autor, o padre português Carlos Jacob, de 59 anos, integra a congregação dos Missionários de São João Batista, que está presente em Portugal mas também em outros países como é o caso de Moçambique, onde aquele sacerdote tem colaborado em várias missões.

Nos últimos meses, as atenções têm estado voltadas para a tragédia que atingiu aquele país lusófono há cerca de um mês, com a passagem do ciclone Idai, que provocou mais de 600 mortos, 70 mil desalojados e deixou pelo menos de 350 mil  em risco de vida.

Pouco tempo depois, o mesmo território foi atingido por um novo furação, batizado como Kenneth, que levou nova vaga de destruição ao país lusófono, embora felizmente em menor escala.

Fundada em 1948 na Alemanha, a congregação dos Missionários de São João Batista dedica-se ao apoio dos mais pobres e desfavorecidos e ao aprofundamento e anúncio da fé cristã junto das comunidades.

Na sessão de apresentação do livro ‘Missão em África: Lançar sementes, colher sorrisos’, do padre Carlos Jacob, nas instalações do Edifício Sede da CGD em Lisboa, estarão entre outras figuras o presidente da Cáritas Portuguesa, Eugénio Fonseca; Joana Clemente, da HELPO, Carlos Almeida, da HELPO Moçambique; Alfredo Filipe, da Câmara de Comércio Brasil-Portugal, e Paulo Moita de Macedo, da Caixa Geral de Depósitos.

JCP

Jul
11
Qui
Açores: Santuário do Senhor Santo Cristo celebra 60 anos
Jul 11 todo o dia

Ponta Delgada, 20 fev 2019 (Ecclesia) – O Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres na cidade de Ponta Delgada (Ilha de São Miguel – Açores) está a celebrar o 60º aniversário da elevação a santuário diocesano.

Para comemorar esta efeméride (22 de abril de 1959) realizam-se várias atividades com destaque para um simpósio nos dias 11 e 12 de julho e um encontro (24 de maio) de reitores dos santuários diocesanos dos Açores, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

No dia 19 de março, o padre José da Silva Lima, da Diocese de Coimbra, faz uma conferência sobre «Santuário, arte de cuidar» e a 12 de julho, D. Carlos Azevedo, do Conselho Pontifício para a Cultura (Organismo da Santa Sé) aborda o tema «Viver em Cristo: Pleno humanismo de santidade».

O programa festivo conta ainda com a festa dos espinhos (dia 23 de março) e uma celebração de ação de graças (22 abril) pelo 60º aniversário deste santuário.

LFS

Jul
12
Sex
Açores: Santuário do Senhor Santo Cristo celebra 60 anos
Jul 12 todo o dia

Ponta Delgada, 20 fev 2019 (Ecclesia) – O Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres na cidade de Ponta Delgada (Ilha de São Miguel – Açores) está a celebrar o 60º aniversário da elevação a santuário diocesano.

Para comemorar esta efeméride (22 de abril de 1959) realizam-se várias atividades com destaque para um simpósio nos dias 11 e 12 de julho e um encontro (24 de maio) de reitores dos santuários diocesanos dos Açores, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

No dia 19 de março, o padre José da Silva Lima, da Diocese de Coimbra, faz uma conferência sobre «Santuário, arte de cuidar» e a 12 de julho, D. Carlos Azevedo, do Conselho Pontifício para a Cultura (Organismo da Santa Sé) aborda o tema «Viver em Cristo: Pleno humanismo de santidade».

O programa festivo conta ainda com a festa dos espinhos (dia 23 de março) e uma celebração de ação de graças (22 abril) pelo 60º aniversário deste santuário.

LFS

Jul
20
Sáb
Igreja: «Jesus Summer Fest» – um encontro para a juventude açoriana
Jul 20@9:00_23:59

Angra do Heroísmo, Açores, 19 jun 2019 (Ecclesia) – O Serviço Diocesano da Juventude de Angra está a organizar o ‘Jesus Summer Fest’, um encontro com música, espiritualidade, desporto e lazer, entre as 09h00 e a meia-noite de 20 de julho, no Relvão, em Ponta Delgada.

“Queremos aliar a espiritualidade e a fé com a música e demais atividades propostas numa perfeita simbiose, constituindo assim, uma oportunidade de evangelização dos jovens a partir dos próprios jovens e das diferentes atividades”, explicou o responsável da pastoral juvenil na diocese de Angra.

O padre Norberto Brum afirma que com atividades que “são do gosto e apreciadas pelos jovens” pretendem “proporcionar um dia de verão verdadeiramente diferente, mobilizador e, sobretudo, inspirador”, divulga o sítio online diocesano ‘Igreja Açores’.

A partir das 09h00, o ‘Jesus Summer Fest’ vai proporcionar desporto – incluindo desportos radicais -, workshops de promoção de hábitos de vida saudáveis, atividades promocionais de bons e saudáveis hábitos de alimentação, dinâmicas de grupo, concertos, DJ, uma “minifeira” com instituições ligadas à saúde, combate às dependências e voluntariado.

Até à meia-noite do dia 20 de julho, no Relvão, em Ponta Delgada, os jovens vão ter uma Tenda da Adoração e Eucaristia, a atuação do Dj Priest e da Banda Jota, da Diocese da Guarda, espaços de partilha e troca de experiências, jogos tradicionais, uma “minifeira” do Livro com literatura juvenil, entre outras propostas.

“Tudo se conjuga para que este multifestival seja um acontecimento marcante na vida dos nossos jovens neste verão, culminando a caminhada que foi feita ao longo deste ano pastoral”, destaca o padre Norberto Brum, divulga o sítio ‘Igreja Açores’.

O diretor Diocesano da Pastoral Juvenil de Angra assinala que querem um festival que “seja inclusivo, onde haja espaço para todos os jovens”, “como pede o Papa Francisco” no número 234 da Exortação ‘Cristo Vive’, e que coloque a manifesto “o desejo da Igreja chegar a todos” e seja “acolhedora, aberta e inclusiva”.

CB

 

Jul
28
Dom
Açores: D. João Lavrador nas comemorações dos 150 anos da Igreja de Santana
Jul 28 todo o dia

DR

Ponta Delgada, Açores, 24 jul 2019 (Ecclesia) – O bispo de Angra, D. João Lavrador, vai presidir, este domingo, às celebrações dos 150 anos da Igreja de Santana – Nordeste (Ilha de São Miguel – Açores) sendo a Eucaristia às 12h00 e pelas 20h00 a procissão pelas ruas da localidade.

As comemorações começam esta quarta-feira com duas conferências sobre esta efeméride por José Carlos Carneiro e Francisco Resendes e abertura de uma exposição fotográfica onde estão patentes registos dos padres que estiveram naquela paróquia e de algumas alfaias litúrgicas, refere o programa enviado à agência ECCLESIA.

As festividades naquela localidade da Ilha de São Miguel realizam-se de 24 a 31 deste mês e têm atividades lúdicas, desportivas e religiosas.

LFS

Ago
6
Ter
Igreja: Bispo de Viseu preside à festa do Senhor Bom Jesus do Pico
Ago 6 todo o dia

Angra do Heroísmo, Açores, 02 jul 2019 (Ecclesia) – O bispo de Viseu, D. António Luciano, vai presidir à “festa principal” do Senhor Bom Jesus Milagroso, “uma das mais emblemáticas manifestações religiosas do Arquipélago dos Açores”, que começam com uma novena a partir de 27 de julho.

“Não se trata de uma festa apenas do Pico mas de todas as ilhas do triângulo (Pico, Faial, São Jorge)”, disse o reitor do Santuário do Senhor Bom Jesus do Pico, o padre Marco Martinho, divulga o sítio diocesano ‘Igreja Açores’.

‘Ai de mim se não evangelizar é mote para as celebrações no santuário diocesano em São Mateus: A “festa principal”, a 6 de agosto, vai ser presidida por D. António Luciano, bispo da Diocese de Viseu que foi nomeado a 3 de maio de 2018.

A novena de preparação que este ano vai ter como pregador o padre Jacob Vasconcelos, diretor do Serviço da Catequese, Evangelização e Missão de Angra, começa dia 27 de julho.

O Senhor Bom Jesus Milagroso “é uma das mais emblemáticas” manifestações religiosas da Diocese de Angra e do Arquipélago dos Açores que conta com a participação de “milhares de forasteiros, sobretudo das ilhas vizinhas e também da diáspora”, entre 27 de julho até 7 de agosto.

O sítio online ‘Igreja Açores’ contextualiza que a festa que remonta a 1862, quando o emigrante Francisco Ferreira Goulart trouxe do Brasil uma imagem do Senhor Bom Jesus, cópia fiel das que se veneram”, mas a devoção que já existia era ao Senhor Crucificado”.

CB

Ago
24
Sáb
Publicações: Arquiteto João Alves da Cunha lança livro «Igreja da Sagrada Família de Paço de Arcos: 50 anos de arquitetura religiosa moderna (1959-2019)»
Ago 24@16:00_16:00

DR

Lisboa, 29 jul 2019 (Ecclesia) – O livro «Igreja da Sagrada Família de Paço de Arcos: 50 anos de arquitetura religiosa moderna (1959-2019)», sob coordenação do arquiteto João Alves da Cunha, vai ser lançado no dia 24 de Agosto.

O lançamento vai decorrer na igreja de Paço de Arcos, em Oeiras, às 16h00, numa altura em que se assinalam os 50 anos da criação da paróquia.

Um comunicado enviado à Agência ECCLESIA dá conta que a publicação se trata da primeira de três monografias propostas sobre as três igrejas modernas de referência, a igreja de Paço d’Arcos, e as igrejas lisboetas do Sagrado Coração de Jesus (arquitetos Nuno Teotónio Pereira e Nuno Portas, 1970) e S. Jorge de Arroios (arquitetos Alzina Menezes e Erich Corsépius, 1972), construídas no contexto do Movimento de Renovação da Arte Religiosa (MRAR).

“Este movimento, fundado em 1953, juntou arquitetos, artistas plásticos e historiadores como Nuno Teotónio Pereira, João de Almeida, Nuno Portas, Diogo Lino Pimentel, Luiz Cunha, Madalena Cabral, Maria José de Mendonça, António Freitas Leal, Manuel Cargaleiro, José Escada, Eduardo Nery e Vitorino Nemésio”, pode ler-se.

A par da explicação histórica e “do contexto do edifício”, a publicação vai apresentar “um registo fotográfico contemporâneo produzido especificamente para esta iniciativa” reunindo “material inédito” do arquivo pessoal do arquiteto João de Almeida, bem como “do arquivo do Secretariado das Novas Igrejas do Patriarcado, do arquivo da Paróquia de Paço d’Arcos e do Arquivo da Câmara Municipal de Oeiras”.

A obra vai apresentar um “breve resumo na língua inglesa”, indica o comunicado.

LS

Set
23
Seg
Açores: Encontro sobre «Santuários de Peregrinos ou de Turistas»
Set 23@20:30

Ponta Delgada, Açores, 20 set 2019 (Ecclesia) – Na Igreja de Santa Cruz da Lagoa, Ilha de São Miguel (Açores) realiza-se, dia 23 deste mês, o II encontro de Turismo em diálogo com o Património Religioso que tem como tema «Santuários de Peregrinos ou de Turistas»

A iniciativa, começa pelas 20h30, terá a moderação de Sara Sousa de Oliveira e reúne à mesma mesa o reitor do Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres, cónego Adriano Borges, o padre Nemésio Medeiros, guia espiritual em Peregrinações à Terra Santa, Raquel Lima, que integra a equipa de interpretes de Língua Gestual Portuguesa, no Santuário de Fátima e Graça Silva Machado, peregrina dos Caminhos de Santiago, lê-se no programa enviado à Agência ECCLESIA.

O Encontro visa promover uma reflexão acerca do impacto do turismo no património religioso, partilhar ideias e experiências em torno desta temática, debater os desafios e obstáculos no acesso do turismo ao património religioso, bem como, compreender a influência do património religioso como meio de evangelização.

LFS

Out
12
Sáb
Açores: Apresentação do Auto de São João de Deus no Dia Mundial da Saúde Mental
Out 12@21:30

Angra do Heroísmo, 07 out 2019 (Ecclesia) – No Dia Mundial da Saúde Mental, 12 de outubro, a Casa de Saúde de São Rafael (Angra do Heroísmo – Açores), apresenta a encenação do Auto de São João de Deus.

Esta atividade realiza-se, às 21h30, no Teatro Angrense (Ilha Terceira) com entrada gratuita e conta com a colaboração e participação de utentes, colaboradores e amigos daquela instituição, classes de ballet da professora Eduarda Rosa e do Coro do Seminário de Angra do Heroísmo, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

LFS

Out
18
Sex
Açores: Seminário de Angra assinala Dia dos Bens Culturais da Igreja
Out 18@11:00_Out 19@13:00

Angra do Heroísmo, Açores, 16 out 2019 (Ecclesia) – O Seminário de Angra vai ter patente ao público a exposição de Arte Sacra ‘Deus está aqui’, pelo Dia dos Bens Culturais da Igreja, esta sexta-feira e sábado, dias 18 e 19, na Capela da Natividade.

“A exposição tem por objetivo assinalar este dia através de uma seleção de objetos de arte sacra, pertença desta instituição, deixando assim adivinhar os percursos de fé de tantos jovens açorianos que por aqui passaram ao longo dos últimos 156 anos e tantas mudanças de leitura e de relacionamento com o divino ao longo deste tempo”, informa a organização.

A mostra aberta ao público em geral divide-se por três espaços – capela, sacristia e antessala- e apresenta obras de pintura, escultura, têxteis, ourivesaria e documentos gráficos.

A exposição de Arte Sacra ‘Deus está aqui’ pode ser visitada das 11h00 às 19h00, desta sexta-feira, 18 de outubro – o Dia dos Bens Culturais da Igreja – e entre as 10h00 e as 13h00 do dia seguinte, na Capela da Natividade, do Seminário de Angra.

Segundo a organização, o tema é “não somente como uma resposta ao grande tema proposto na missiva do Vigário Geral de Angra – Deus já não habita aqui?”, mas também como “reafirmação” da capela e “da dinâmica que esta casa assume, ou não fosse ela a Casa Santa Mimosa de Deus, o coração da Diocese”.

O sítio online diocesano ‘Igreja Açores’ contextualiza que esta iniciativa é promovida no âmbito da disciplina de Arte e Património, que integra o plano curricular do Seminário de Angra, e envolve o trabalho da turma do 6.º ano, com a orientação da professora Marta Bretão.

A Diocese de Angra vai promover o Dia dos Bens Culturais da Igreja com conferências, exposições, lançamentos editoriais, apresentação de intervenções de reabilitação, visitas guiadas, concertos, entre outros, envolvendo arte religiosa, bibliotecas eclesiais, arquivos ou património imaterial, entre 17 e 20 de outubro.

“A vitalidade e especificidade dos Bens Culturais da Igreja reclamam, cada vez mais, uma articulação plena entre a comunidade religiosa, civil e científica”, afirmou o vigário-geral da diocese, cónego Hélder Fonseca Mendes, em carta enviada a todos os sacerdotes, párocos, onde incentiva todas as paróquias a promover iniciativas, divulga a diocese.

O Dia dos Bens Culturais da Igreja, no dia de São Lucas – pintor e patrono dos artistas – assinala-se desde 2011 com o intuito de promover “a reflexão e a partilha do trabalho desenvolvido no contexto das dioceses portuguesas”.

Segundo o Secretariado Nacional dos Bens Culturais da Igreja Católica em Portugal, esta data pretende também “debater novas propostas de atuação, avaliar dificuldades e identificar os principais desafios com que se confrontam”.

CB

Nov
1
Sex
Media: Açores recebe o primeiro congresso lusófono de rádios de inspiração cristã
Nov 1_Nov 3 todo o dia

Angra do Heroísmo, Açores, 01 nov 2019 (Ecclesia) – A Associação de Rádios de Inspiração Cristã (ARIC), com o apoio do Governo Regional dos Açores e do Município de Angra do Heroísmo, vai promover de hoje a domingo, o primeiro congresso Internacional de rádios lusófonas.

Esta atividade, que decorre Centro Cultural e de Congressos de Angra do Heroísmo (Ilha Terceira), pretende ser “um ponto de reflexão sobre o presente e o futuro de um sector que já viu a sua morte anunciada por diversas vezes, mas que tem tido sempre a capacidade de se reinventar e continuar a crescer junto dos seus ouvintes”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Ao mesmo tempo ocorrerá “uma feira que tem prevista a participação das mais conceituadas marcas de produtos para o sector”, lê-se no comunicado.

LFS

Nov
22
Sex
Igreja/Património: Exposição «Ecce Homo – A devoção de um povo» nos Açores
Nov 22@18:00

Angra, Açores, 21 nov 2019 (Ecclesia) – A exposição «Ecce Homo – A devoção de um povo» promovida pelo Cabido da Sé de Angra (Ilha Terceira – Açores), com a colaboração do Seminário Episcopal e Museu da cidade vai ser inaugurada, às 18h00, dia 22 deste mês.

Esta atividade cultural serve para assinalar “os 60 anos da elevação da Igreja de Nossa Senhora da Esperança a Santuário Diocesano do Senhor Santo Cristo dos Milagres”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

A exposição reúne “algumas capas do Senhor Santo Cristo, gravuras e outros objetos devocionais deste culto açoriano” e vai estar patente no Seminário Episcopal de Angra.

Entre as capas expostas o destaque vai para a capa oferecida por D. Maria de Áustria, mulher de D. João V (1706-1750), com o propósito da imagem ter uma capa feita do mesmo brocado de que era feito o manto real do seu esposo, como era desejo do monarca.

A exposição contempla ainda registos, muitos deles particulares, e gravuras do Senhor Santo Cristo, entre outras peças que pretendem mostrar as diversas manifestações de fé e religiosidade do povo açoriano ao Senhor Santo Cristo dos Milagres.

A exposição abrirá com uma conferência sobre esta manifestação de religiosidade popular por parte do reitor do Santuário do Senhor Santo Cristo, cónego Adriano Borges.

LFS

Nov
25
Seg
Açores: Semana Bíblica dedicada ao «Evangelho de São João»
Nov 25@20:00_Nov 29@22:00

Angra, Açores, 20 nov 2019 (Ecclesia) – A XXV Semana Bíblica da Diocese de Angra realiza-se de 25 a 29 deste mês, às 20h00, na Ilha de São Miguel (Salão Paroquial de Nossa Senhora da Estrela – Ribeira Grande) e vai ser dedicada ao «Evangelho de São João».

Esta iniciativa é promovida pelo Secretariado Bíblico de São Miguel e tem como conferencista o padre Francisco Ruivo, da Diocese de Santarém, com formação na Pontifícia Universidade Gregoriana e no Pontifício Instituto Bíblico (Roma – Itália), realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

A organização convida os participantes a levarem “ao longo da semana géneros alimentares” que vão reverter “a favor da Cáritas e que depois serão entregues a famílias carenciadas”, escreve o assistente do Secretariado Bíblico e ouvidor da Ribeira Grande, padre Vítor Medeiros.

LFS

Nov
26
Ter
Igreja/Ambiente: Pastoral da Cultura e Universidade dos Açores refletem sobre ecologia
Nov 26 todo o dia

Ponta Delgada, Açores, 21 nov 2019 (Ecclesia) – O Serviço da Pastoral da Cultura da Diocese de Angra, em parceria com a Universidade dos Açores, promove dois «ECOntros: economia, ecologia e humanização» (26 de novembro e 07 de fevereiro), sobre ecologia integral.

Uma atividade desenvolvida no âmbito da caminhada sinodal diocesana que, no momento presente, “procura escutar a voz da atualidade”, informa uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O primeiro evento, relacionado com a economia, consiste numa aula aberta na Universidade dos Açores, no dia 26 de novembro, entre as 16h00 e as 18h00 e será moderada pelo presidente da Faculdade de Economia e Gestão, Francisco Silva, e tem como intervenientes Gualter Furtado, presidente do Conselho Económico e Social da Região Autónoma dos Açores; Mário Fortuna, presidente da Câmara de Comércio e Indústria de Ponta Delgada; Zuraida Soares, ex-deputada do Bloco de Esquerda na Assembleia Legislativa dos Açores; Luís Toste, gestor de clientes do Novo Banco dos Açores e o padre Ricardo Tavares, teólogo e diretor do Serviço Diocesano da Pastoral da Cultura.

A segunda sessão ocupa-se das várias dimensões que constituem uma “ecologia integral e integradora” e realiza-se no Centro Pastoral Pio XII, em Ponta Delgada (Ilha de São Miguel), no dia 07 de fevereiro, entre as 20h00 e as 22h00.

“Pretende-se que, para além da abordagem a cada um dos temas, se faça uma avaliação da situação em que se encontra a Região Autónoma dos Açores, analisando algumas das suas fragilidades e propondo soluções possíveis”, sublinha ainda a nota da organização.

LFS

Dez
1
Dom
Açores: Ordenação de sete diáconos na Sé de Angra
Dez 1@18:00

Angra, Açores, 20 nov 2019 (Ecclesia) – Seis seminaristas do Seminário Episcopal de Angra (Ilha Terceira – Açores) e um frade carmelita descalço vão ser ordenados a 1 de dezembro, às 18h00, na Sé daquela diocese

“É a primeira vez desde o ano jubilar de 2000 que a catedral de Angra recebe um número tão elevado de ordenações diaconais em simultâneo, naquela altura foram ordenados 10 diáconos, dois deles irmãos gémeos”, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Os seis seminaristas são alunos do 6º ano do Seminário Episcopal de Angra e são todos da ilha de São Miguel: dois da ouvidoria de Ponta Delgada – Igor Oliveira (São Roque) e Aurélio Sousa (Sete Cidades) -, dois da ouvidoria das Capelas – Pedro Carvalho (Santa Bárbara) e João farias (Santo António) -, um da ouvidoria da Povoação – Sandro Costa (Furnas) – e outro da Ribeira Grande, Nuno Pacheco de Sousa (Ribeirinha).

Na celebração, que será presidida pelo bispo de Angra, D. João Lavrador, vai ser ainda ordenado diácono Frei Renato da Cruz que é carmelita descalço.

Frei Renato da Cruz professou solenemente no passado dia 14 de dezembro, no Convento Stella Maris (Porto), é natural da Vila Nova, na Ilha Terceira, onde nasceu a 3 de maio de 1992.

LFS