Calendário

[wcp-carousel id=”90845″]

Mai
7
Ter
Açores: Sínodo diocesano em análise na assembleia do Conselho Presbiteral
Mai 7_Mai 9 todo o dia
Açores: Sínodo diocesano em análise na assembleia do Conselho Presbiteral

Angra do Heroísmo, Açores, 20 abr 2019 (Ecclesia) – O Conselho Presbiteral da Diocese de Angra vai reunir em assembleia com três pontos de agenda, a avaliação do itinerário formativo de leigos e clero, início de um sínodo diocesano e questões estatutárias, de 7 a 9 de maio.

O segundo capítulo do documento de trabalho enviado a todas as ouvidorias, divulga o sítio online ‘Igreja Açores’, é uma reflexão sobre “o modo como deve decorrer um sínodo e os aspetos que devem ser observados por todo o povo de Deus” nas diferentes fases do processo sinodal.

“Que atitude e função têm os presbíteros na motivação, aceitação e sensibilização para a realização de um sínodo diocesano, neste tempo, nos Açores? Qual o papel de «todos» os que são ouvidos, de «alguns» que participam e de «um» que convoca, preside e promulga o sínodo diocesano, sobretudo no que diz respeito ao presbitério?”, são  perguntas para reflexão dos sacerdotes e serviços diocesanos.

No documento pergunta-se também como é possível “articular a vida pastoral ordinária com a dinâmica e a condição de «padres sinodais», nas suas várias fases” e como escutar, discernir e escolher os temas “mais candentes, necessários e urgentes na missão da Igreja”, na sociedade e cultura que hoje edificam.

As estruturas intermédias da diocese forma também convidadas a pronunciarem-se sobre o que “está a ser a concretização” do Itinerário Formativo Diocesano a diversos níveis – “formação para todos, Comunhão e estruturas participativas da mesma, a vários níveis de uma caminhada comum (sinodalidade) – e acerca da ‘Igreja em Saída’ em Ano Missionário especial que a Igreja Católica em Portugal está a viver até ao mês de outubro.

O Conselho Presbiteral é um órgão de consulta do bispo e dele fazem parte para além dos elementos que integram a Cúria, o Reitor do Seminário Episcopal, os Vigários Episcopais, os 16 ouvidores da diocese bem como todos os responsáveis pelos serviços diocesanos e ainda um representante dos assistentes espirituais dos Movimentos de Apostolado. Este conselho integra apenas sacerdotes.

Os trabalhos da 44.ª Assembleia do Conselho Presbiteral são precedidos de uma reunião do Conselho Episcopal, a 6 de maio, e do Colégio de Consultores no dia 8.

O sítio online ‘Igreja Açores’ adianta ainda que agendadas mais duas reuniões no âmbito desta iniciativa, nomeadamente a reunião de ouvidores, também no dia 9 e a reunião de Serviços no dia 10.

CB

Mai
12
Dom
Vocações: Bispo de Angra vai instituir seis alunos no ministério do Acolitado
Mai 12@18:00

Angra do Heroísmo, Açores, 07 mai 2019 (Ecclesia) – O bispo de Angra vai presidir à instituição no Ministério do Acolitado dos seis alunos do 5.º ano do Seminário Episcopal, no final da Semana de Oração pelas Vocações, este domingo, às 18h00, na Sé.

Na Diocese de Angra para além da Eucaristia que vai presidida por D. João Lavrador, a 12 de maio, a 56.ª Semana de Oração pelas Vocações vai ser assinala com um workshop vocacional “sobre os vários modos de vida consagrada”, na véspera, o próximo dia 11.

A atividade de formação “para todas as catequeses da Ilha Terceira” vai realizar-se entre as 16h00 e as 18h00, no Seminário Episcopal de Angra que a partir das 21h00 recebe uma vigília de oração na sua capela, informa a instituição na sua página na rede social Facebook.

A Comissão Episcopal das Vocações e Ministérios  publicou um guião para a Semana de Oração pelas Vocações 2019 que tem como tema

Os materiais, preparados pelo Departamento Pastoral Vocacional da Arquidiocese de Braga, têm propostas de oração, celebração, reflexão, como a mensagem do Papa Francisco, a sugestão de momentos culturais, de peregrinação e visita, bem como um hino.

“Há necessidade duma pastoral juvenil e vocacional que ajude a descobrir o projeto de Deus, especialmente através da oração, meditação da Palavra de Deus, adoração eucarística e direção espiritual”, escreveu Francisco.

CB/OC

Mai
15
Qua
Angra: Conferência «Ser Família na atual encruzilhada de valores» na Semana da Vida
Mai 15@20:30

Angra do Heroísmo, 09 mai 2019 (Ecclesia) – O Serviço Diocesano da Pastoral da Família e Laicado de Angra vai assinalar a Semana da Vida 2019 com a conferência ‘Ser Família na atual encruzilhada de valores’, às 20h30 do dia 15, em Ponta Delgada.

A conferência, no Dia Internacional da Família, tem como oradora a professora catedrática Maria do Céu Patrão Neves, da Universidade dos Açores, no centro Pastoral Pio XII.

Depois, o jornalista José́ Gabriel Ávila e a psicóloga Matilde Sabino vão debater a reflexão ‘Ser Família na atual encruzilhada de valores’, moderados por Bento Oliveira, informa o sítio online ‘Igreja Açores’.

‘Há vida, há futuro’ é o lema da Semana da Vida 2019, a 26.ª edição que a Igreja Católica em Portugal vai promover este ano entre 12 e 19 de maio.

O serviço diocesano deste setor em Angra enviou para todas as paróquias os materiais para a vivência e celebração desta semana que foram divulgados pela Comissão Episcopal do Laicado e Família.

“Uma celebração em união com toda a diocese e Portugal inteiro”, é o apelo do cónego José Medeiros Constância, o assistente diocesano.

O sacerdote para a Ouvidoria (arciprestado) de Ponta Delgada organizou um itinerário que começa com a Caminhada em Família onde propõe a Oração do terço por “dezenas” nas diversas igrejas, a partir das 15h00 deste sábado, no Santuário do Senhor Santo Cristo, que termina com a Eucaristia às 19h00 na igreja de Nossa Senhora de Fátima.

Em Ponta Delgada, os adolescentes do 8.º ano da Catequese de toda a ouvidoria também vão participar nesta semana, em concreto na Festa da Vida, entre as 13h00 e as 18h00 do dia 19, no Centro Missionário, que é dirigido pelos padres do Sagrado Coração de Jesus (Dehonianos), divulga ainda o ‘Igreja Açores’.

O guião, cartaz e pagela de oração da Semana da Vida 2019 podem ser consultados e descarregados no sítio online Comissão Episcopal do Laicado e Família, em leigos.pt.

CB

Igreja/Portugal: «Valor da vida não se questiona» – Comissão Episcopal do Laicado e Família

Mai
23
Qui
Açores: Primeiro encontro de reitores dos santuários da Diocese de Angra
Mai 23 todo o dia

Angra do Heroísmo, Açores, 22 mai 2019 (Ecclesia) – O bispo dos Açores vai presidir ao primeiro Encontro de Reitores dos Santuários Diocesanos, que quer ser uma oportunidade para discutir e preparar uma caminhada conjunta, esta quinta-feira, em Ponta Delgada.

“Há muito que sentimos necessidade de fazermos uma caminhada conjunta, partilhando experiências, refletindo sobre os problemas e as necessidades dos santuários”, disse o vice-reitor do Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres.

O cónego José Medeiros Constância assinalou que já existe uma associação que reúne os vários santuários a nível nacional e que nos Açores esta ausência “também tem de ser ultrapassada”.

O primeiro encontro de reitores dos santuários de Angra vai ser presidido pelo bispo D. João Lavrador, esta quinta-feira, e a reunião realiza-se no âmbito das comemorações dos 60 anos da elevação do Senhor Santo Cristo dos Milagres a santuário diocesano.

O sítio online diocesano ‘Igreja Açores’ adianta que vão participar no “encontro inédito” os reitores do Santuário diocesano do Senhor Bom Jesus, do Pico, o padre Marco Martinho; de Nossa Senhora dos Milagres, na Serreta, ilha Terceira, o padre João Pires; dos Santos Cristo da Caldeira, em São Jorge, o padre Manuel das Matas, e de Nossa Senhora da Conceição, o cónego Francisco Dolores.

Dos diversos temas que vão estar em análise destaca-se a forma como os santuários podem articular-se com as orientações diocesanas de pastoral, como deve ser feito o acolhimento, como devem comunicar, que pastoral litúrgica devem desenvolver e que lugar deve ter a ação sócio caritativa.

Os reitores dos santuários diocesanos de Angra vão reunir na véspera das festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres que começam esta sexta-feira, dia 24, “com a inauguração das luzes”, e os dois dias seguintes – 25 e 26 de maio – são os dias principais da festa, com a procissão da mudança e a procissão solene, que vai ser presidida pelo núncio apostólico da Arménia e da Geórgia, o arcebispo português D. José Avelino Bettencourt.

CB

Mai
24
Sex
Açores: Santuário do Senhor Santo Cristo celebra 60 anos
Mai 24 todo o dia

Ponta Delgada, 20 fev 2019 (Ecclesia) – O Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres na cidade de Ponta Delgada (Ilha de São Miguel – Açores) está a celebrar o 60º aniversário da elevação a santuário diocesano.

Para comemorar esta efeméride (22 de abril de 1959) realizam-se várias atividades com destaque para um simpósio nos dias 11 e 12 de julho e um encontro (24 de maio) de reitores dos santuários diocesanos dos Açores, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

No dia 19 de março, o padre José da Silva Lima, da Diocese de Coimbra, faz uma conferência sobre «Santuário, arte de cuidar» e a 12 de julho, D. Carlos Azevedo, do Conselho Pontifício para a Cultura (Organismo da Santa Sé) aborda o tema «Viver em Cristo: Pleno humanismo de santidade».

O programa festivo conta ainda com a festa dos espinhos (dia 23 de março) e uma celebração de ação de graças (22 abril) pelo 60º aniversário deste santuário.

LFS

Mai
30
Qui
Açores: Cáritas da Ilha Terceira assina acordo de cooperação
Mai 30 todo o dia

Angra do Heroísmo, 28 mai 2019 (Ecclesia) – A Cáritas da Ilha Terceira (Açores) e a Secretaria Regional da Saúde assinam, dia 30 deste mês, um acordo de cooperação que visa estabelecer a “partilha de práticas e de conhecimentos” entre as respetivas equipas técnicas no” âmbito da intervenção com jovens em risco”.

A assinatura do acordo acontece aquando de uma visita do secretário regional da saúde, Rui Luís, e da diretora regional de prevenção e combate às dependências, Suzete Frias, às instalações do Centro de Desenvolvimento e Inclusão Juvenil da Cáritas da Ilha Terceira, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

“A capacitação dos técnicos do CDIJ para a intervenção social e promoção da saúde dos utentes abrangidos por esta valência da Cáritas da Ilha Terceira”; “a implementação do Programa Prevenir em Família e Comunidade na Ilha Terceira” e a “cedência de um psicólogo por parte da DRPCD para ministrar formações para aplicadores de programas de competências pessoais e sociais para técnicos que intervêm diretamente com públicos jovens em situação de maior vulnerabilidade social” são outros pontos do acordo.

O Centro de Desenvolvimento e Inclusão Juvenil da Cáritas da Ilha Terceira trabalha diariamente na promoção de hábitos de vida saudáveis de utentes, tendo como foco de intervenção jovens em risco com idades compreendidas entre os 14 e os 25 anos, no concelho de Angra do Heroísmo.

LFS

Jun
7
Sex
Açores: Jornada sobre questões da saúde mental, dependências e pobreza
Jun 7 todo o dia

Ponta Delgada, Açores, 03 jun 2019 (Ecclesia) – O Serviço da Pastoral Social da Diocese de Angra (Açores) promove, dia 7 de junho, no Centro Pastoral Pio XII (Ponta Delgada – Ilha de São Miguel) uma jornada de “reflexão e debate” sobre questões da saúde mental, dependências e pobreza.

O encontro tem como tema «Olhar, refletir e agir» e conta com vários especialistas destas áreas, nomeadamente, Filipa Palha, (Federação Mundial de Saúde Mental), o António Bento (Psiquiatra), e o padre José Manuel Pereira de Almeida (médico e responsável pelo Secretariado Nacional da Pastoral Social), realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

“Ao longo dos últimos dois anos temos vindo a constatar junto de muitas ouvidorias e paróquias que persistem os problemas que identificamos no início de uma avaliação que fizemos sobre as questões sociais. A saúde mental e a integração social são duas questões que continuam a afetar muito as nossas ilhas”, referiu ao Igreja Açores Vitória Furtado, responsável pela pastoral social na diocese de Angra.

Além dos convidados nacionais, há também a intervenção de vários especialistas regionais na área social estando previstas as intervenções de Fabíola Cardoso sobre a necessidade de uma educação virada para a inclusão social; da diretora regional das Dependências, Suzete Frias e Fernando Diogo, docente da Universidade dos Açores, e especialista nas questões sociais, nomeadamente emprego e pobreza.

LFS

Vila Real: CNIS promove Festa da Solidariedade
Jun 7 todo o dia

Vila Real, 28 mai 2019 (Ecclesia) – A Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade (CNIS) promove, dia 07 de junho, em Vila Real, no âmbito da XIII Festa da Solidariedade, o seminário «Garantir os Valores com Sustentabilidade Financeira – Desafio para as Instituições».

O evento, que decorre na parte da manhã nos claustros do edifício do antigo Governo Civil de Vila Real (Largo Conde de Amarante), conta com a participação de Eduardo Vítor Rodrigues, presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia, Henrique Rodrigues, assessor da direção da CNIS, Marco António Costa, ex-Secretário de Estado da Segurança Social e Nuno Mota Pinto, vogal da Comissão Executiva do Banco Montepio, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

LFS

Jun
30
Dom
Vila Real: Apresentação de D. António Augusto Azevedo à diocese
Jun 30 todo o dia

Vila Real, 27 jun 2019 (Ecclesia) – O novo bispo da Diocese de Vila Real, D. António Augusto Azevedo, vai tomar posse, dia 30 de junho, às 16h00, naquela diocese do norte de Portugal.

No final da eucaristia, D. António Azevedo fica na Sé a receber os cumprimentos das autoridades e convidados, lê-se no comunicado enviado à Agência ECCLESIA.

O Papa Francisco nomeou D. António Augusto Azevedo bispo da Diocese de Vila Real, a 11 de maio.

Na saudação dirigida aos novos diocesanos, D. António Augusto Azevedo considera “uma grande honra” e “motivo de alegria” ser bispo das gentes de Trás-os-Montes e Alto Douro por quem tem “admiração pelo caráter e a cultura”.

Natural de Avioso, (concelho da Maia – Porto), D. António Augusto Azevedo tem 56 anos, foi ordenado padre a 13 de julho de 1986 e, após o curso de Teologia, estudou Filosofia na Universidade Pontifícia Gregoriana, de Roma.

Antes de ser nomeado bispo auxiliar do Porto, no dia 9 de janeiro de 2016, o sacerdote lecionou na Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa (UCP), no Centro de Cultura Católica e no Curso de Pastoral do Seminário Maior, sempre no Porto, tendo colaborado ainda com a Escola de Direito e da Faculdade de Educação e Psicologia da UCP.

O bispo auxiliar do Porto sucede a D. Amândio Tomás, bispo de Vila Real desde maio de 2011, onde foi também, durante três anos, coadjutor.

LFS

Igreja/Portugal: D. António Augusto Azevedo é o novo bispo de Vila Real

Jul
11
Qui
Açores: Santuário do Senhor Santo Cristo celebra 60 anos
Jul 11 todo o dia

Ponta Delgada, 20 fev 2019 (Ecclesia) – O Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres na cidade de Ponta Delgada (Ilha de São Miguel – Açores) está a celebrar o 60º aniversário da elevação a santuário diocesano.

Para comemorar esta efeméride (22 de abril de 1959) realizam-se várias atividades com destaque para um simpósio nos dias 11 e 12 de julho e um encontro (24 de maio) de reitores dos santuários diocesanos dos Açores, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

No dia 19 de março, o padre José da Silva Lima, da Diocese de Coimbra, faz uma conferência sobre «Santuário, arte de cuidar» e a 12 de julho, D. Carlos Azevedo, do Conselho Pontifício para a Cultura (Organismo da Santa Sé) aborda o tema «Viver em Cristo: Pleno humanismo de santidade».

O programa festivo conta ainda com a festa dos espinhos (dia 23 de março) e uma celebração de ação de graças (22 abril) pelo 60º aniversário deste santuário.

LFS

Jul
12
Sex
Açores: Santuário do Senhor Santo Cristo celebra 60 anos
Jul 12 todo o dia

Ponta Delgada, 20 fev 2019 (Ecclesia) – O Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres na cidade de Ponta Delgada (Ilha de São Miguel – Açores) está a celebrar o 60º aniversário da elevação a santuário diocesano.

Para comemorar esta efeméride (22 de abril de 1959) realizam-se várias atividades com destaque para um simpósio nos dias 11 e 12 de julho e um encontro (24 de maio) de reitores dos santuários diocesanos dos Açores, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

No dia 19 de março, o padre José da Silva Lima, da Diocese de Coimbra, faz uma conferência sobre «Santuário, arte de cuidar» e a 12 de julho, D. Carlos Azevedo, do Conselho Pontifício para a Cultura (Organismo da Santa Sé) aborda o tema «Viver em Cristo: Pleno humanismo de santidade».

O programa festivo conta ainda com a festa dos espinhos (dia 23 de março) e uma celebração de ação de graças (22 abril) pelo 60º aniversário deste santuário.

LFS

Jul
20
Sáb
Igreja: «Jesus Summer Fest» – um encontro para a juventude açoriana
Jul 20@9:00_23:59

Angra do Heroísmo, Açores, 19 jun 2019 (Ecclesia) – O Serviço Diocesano da Juventude de Angra está a organizar o ‘Jesus Summer Fest’, um encontro com música, espiritualidade, desporto e lazer, entre as 09h00 e a meia-noite de 20 de julho, no Relvão, em Ponta Delgada.

“Queremos aliar a espiritualidade e a fé com a música e demais atividades propostas numa perfeita simbiose, constituindo assim, uma oportunidade de evangelização dos jovens a partir dos próprios jovens e das diferentes atividades”, explicou o responsável da pastoral juvenil na diocese de Angra.

O padre Norberto Brum afirma que com atividades que “são do gosto e apreciadas pelos jovens” pretendem “proporcionar um dia de verão verdadeiramente diferente, mobilizador e, sobretudo, inspirador”, divulga o sítio online diocesano ‘Igreja Açores’.

A partir das 09h00, o ‘Jesus Summer Fest’ vai proporcionar desporto – incluindo desportos radicais -, workshops de promoção de hábitos de vida saudáveis, atividades promocionais de bons e saudáveis hábitos de alimentação, dinâmicas de grupo, concertos, DJ, uma “minifeira” com instituições ligadas à saúde, combate às dependências e voluntariado.

Até à meia-noite do dia 20 de julho, no Relvão, em Ponta Delgada, os jovens vão ter uma Tenda da Adoração e Eucaristia, a atuação do Dj Priest e da Banda Jota, da Diocese da Guarda, espaços de partilha e troca de experiências, jogos tradicionais, uma “minifeira” do Livro com literatura juvenil, entre outras propostas.

“Tudo se conjuga para que este multifestival seja um acontecimento marcante na vida dos nossos jovens neste verão, culminando a caminhada que foi feita ao longo deste ano pastoral”, destaca o padre Norberto Brum, divulga o sítio ‘Igreja Açores’.

O diretor Diocesano da Pastoral Juvenil de Angra assinala que querem um festival que “seja inclusivo, onde haja espaço para todos os jovens”, “como pede o Papa Francisco” no número 234 da Exortação ‘Cristo Vive’, e que coloque a manifesto “o desejo da Igreja chegar a todos” e seja “acolhedora, aberta e inclusiva”.

CB

 

Jul
24
Qua
Férias: Juventude convidada a viver um «verão hospitaleiro» com S. João de Deus
Jul 24_Jul 31 todo o dia

«Compromisso, solidariedade, serviço, oração» são as propostas para os Campos de Férias

Lisboa, 04 jul 2019 (Ecclesia) – A Juventude Hospitaleira vai promover campos de férias onde os jovens podem experimentar algo que “os ajude a ver o mundo de forma diferente”, durante as férias de verão, entre julho e setembro, em Portugal continental e ilhas.

“No programa há várias dinâmicas que contagiam o jovem com o vírus da hospitalidade, sobretudo o contacto real com pessoas diferentes ao mesmo tempo iguais, algo que entusiasma muito os jovens que se deixam tocar pelo sofrimento do outro”, disse o padre Alberto Mendes em declarações à Agência ECCLESIA.

O sacerdote explica que na iniciativa ‘Verão Hospitaleiro com S. João de Deus’ os jovens vão “descobrindo como é bom estar inteiramente para o outro que precisa” e, normalmente, os participantes querem “repetir a experiência e até a viver mais a hospitalidade no seu dia-a-dia”.

A Juventude Hospitaleira informa que ‘compromisso, solidariedade, serviço, oração’ são palavras-chave para os campos de férias que vão tornar o “verão inesquecível” e a primeira semana, entre 24 e 31 de julho, é na Casa de Saúde do Telhal, no Concelho de Sintra, e “há sempre surpresas” no programa da iniciativa que vai ser replicada na Arquidiocese de Braga, regressa ao Patriarcado de Lisboa e realiza-se também nas Dioceses de Angra e Funchal.

“No Telhal, concretamente, temos a oportunidade de ter instalações próprias, um centro da juventude, mesmo ao lado das pessoas que precisam da ajuda voluntária e solidária dos jovens, onde podem fazer o seu dia-a-dia durante uma semana sem ir a casa”, assinala o padre Alberto Mendes.

Os jovens vão participar em atividades de voluntariado com doentes de foro psiquiátrico, “concretamente de animação, convívio e ajuda em pequenas atividades” e o sacerdote dos Irmãos de São João de Deus acrescenta que também há “momentos de formação, oração e partilha com dinâmicas”.

A Juventude Hospitaleira, movimento juvenil católico, foi fundada pelos Irmãos de São João de Deus e pelas Irmãs Hospitaleiras do Sagrado Coração de Jesus, em 1988, e, segundo o entrevistado, o carisma da hospitalidade “continua a ser muito importante” no mundo.

“Através de pequenos gestos podemos fazer a diferença tornando-nos mais próximos das pessoas, dando mais sentido a muitas vidas que, por vezes, parece que andam sem norte”, salientou o padre Alberto Mendes.

CB/

Jul
28
Dom
Açores: D. João Lavrador nas comemorações dos 150 anos da Igreja de Santana
Jul 28 todo o dia

DR

Ponta Delgada, Açores, 24 jul 2019 (Ecclesia) – O bispo de Angra, D. João Lavrador, vai presidir, este domingo, às celebrações dos 150 anos da Igreja de Santana – Nordeste (Ilha de São Miguel – Açores) sendo a Eucaristia às 12h00 e pelas 20h00 a procissão pelas ruas da localidade.

As comemorações começam esta quarta-feira com duas conferências sobre esta efeméride por José Carlos Carneiro e Francisco Resendes e abertura de uma exposição fotográfica onde estão patentes registos dos padres que estiveram naquela paróquia e de algumas alfaias litúrgicas, refere o programa enviado à agência ECCLESIA.

As festividades naquela localidade da Ilha de São Miguel realizam-se de 24 a 31 deste mês e têm atividades lúdicas, desportivas e religiosas.

LFS

Ago
6
Ter
Igreja: Bispo de Viseu preside à festa do Senhor Bom Jesus do Pico
Ago 6 todo o dia

Angra do Heroísmo, Açores, 02 jul 2019 (Ecclesia) – O bispo de Viseu, D. António Luciano, vai presidir à “festa principal” do Senhor Bom Jesus Milagroso, “uma das mais emblemáticas manifestações religiosas do Arquipélago dos Açores”, que começam com uma novena a partir de 27 de julho.

“Não se trata de uma festa apenas do Pico mas de todas as ilhas do triângulo (Pico, Faial, São Jorge)”, disse o reitor do Santuário do Senhor Bom Jesus do Pico, o padre Marco Martinho, divulga o sítio diocesano ‘Igreja Açores’.

‘Ai de mim se não evangelizar é mote para as celebrações no santuário diocesano em São Mateus: A “festa principal”, a 6 de agosto, vai ser presidida por D. António Luciano, bispo da Diocese de Viseu que foi nomeado a 3 de maio de 2018.

A novena de preparação que este ano vai ter como pregador o padre Jacob Vasconcelos, diretor do Serviço da Catequese, Evangelização e Missão de Angra, começa dia 27 de julho.

O Senhor Bom Jesus Milagroso “é uma das mais emblemáticas” manifestações religiosas da Diocese de Angra e do Arquipélago dos Açores que conta com a participação de “milhares de forasteiros, sobretudo das ilhas vizinhas e também da diáspora”, entre 27 de julho até 7 de agosto.

O sítio online ‘Igreja Açores’ contextualiza que a festa que remonta a 1862, quando o emigrante Francisco Ferreira Goulart trouxe do Brasil uma imagem do Senhor Bom Jesus, cópia fiel das que se veneram”, mas a devoção que já existia era ao Senhor Crucificado”.

CB