Calendário

[wcp-carousel id=”90845″]

Fev
11
Seg
Viseu: Clero reúne em jornada de atualização teológico-pastoral sobre família e juventude
Fev 11@9:00_Fev 12@16:00

Imagem: Diocese de Viseu

Viseu, 08 fev 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Viseu vai dinamizar as jornadas de formação permanente do seu clero, com o tema geral ‘Nas urgências da Família… a emergência da Juventude’, dias 11 e 12 de fevereiro, no auditório do Seminário Maior.

O programa enviado hoje à Agência ECCLESIA, informa que o encontro de atualização teológico-pastoral começa com a reflexão sobre ‘as urgências da Família’ – Abrir o olhar sobre as diversas problemáticas da família, com o padre Virgílio Rodrigues e o diácono Joaquim Cardoso, às 10h00.

Duas horas depois, vão falar sobre ‘o caminho diocesano da pastoral familiar’, e da parte da tarde, a partir das 14h30, sobre questões práticas, nomeadamente ‘Centros Sociais Paroquiais e outros assuntos’, com o padre António Carlos, da Diocese da Guarda.

No dia seguinte, 12 de fevereiro, os sacerdotes viseenses centram-se na ‘emergência da Juventude’, com a apresentação do Documento Final do Sínodo dos Bispos dedicado aos Jovens, com o padre António Jorge.

A partir das 12h00, o debate é sobre ‘Caminhos de acompanhamento dos jovens no amadurecimento da fé no discernimento vocacional’, com o padre Paulo Vicente, que participou nas duas últimas edições internacionais da Jornada Mundial da Juventude, em Cracóvia e no Panamá, presididas pelo Papa Francisco, respetivamente em 2016 e 2019, e Fernando Chapeiro, da Comissão Diocesana da Juventude.

As jornadas de formação permanente vão encerrar com a apresentação global do Regulamento Geral da Proteção de Dados, por Lurdes Esteves, da Paróquia do Campo.

A Diocese de Viseu informa ainda que as inscrições para as jornadas de atualização teológico-pastoral do clero devem ser entregues no seminário até hoje, 8 de fevereiro, para além das alternativas de um formulário online e por telefone.

CB

Mar
18
Seg
Viseu: Semana bíblica sobre «Jovens, Bíblia e Fé»
Mar 18_Mar 21 todo o dia

Viseu, 18 mar 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Viseu promove entre hoje e quinta-feira uma Semana Bíblica, no seminário daquela cidade, em sessões que decorrem entre as 20h30 e as 22h30, com o tema «Jovens, Bíblia e Fé».

Esta iniciativa é promovida pelo Secretariado da Educação Cristã da Diocese de Viseu e dá continuidade aos desafios pastorais do biénio 2017-2019, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Ao longo destes dias, frei Domenico Celebrin, da Ordem dos Frades Menores Conventuais da Comunidade de Coimbra e Juan Ambrósio, da Faculdade de Teologia de Lisboa da Universidade Católica Portuguesa, são oradores.

Frei Domenico Celebrin tem como repto desafiar os presentes à vivência da «Lectio Divina», proporcionando um “contacto mais direto e profundo com a Palavra através da meditação e introspeção”.

O professor Juan Ambrósio vai cingir a sua reflexão sobre a «Palavra de Deus, fonte de vida para os Jovens».

LFS

Mar
19
Ter
Vila Real: Exposição missionária «Pelos Caminhos do Mundo»
Mar 19@18:00

Vila Real, 18 mar 2019 (Ecclesia) – A Exposição missionária itinerante «Pelos Caminhos do Mundo» vai estar, de 19 a 31 deste mês, na Sala de Exposições da Santa Casa da Misericórdia de Vila Real.

Esta iniciativa é promovida pelas Obras Missionárias Pontifícias (OMP), Institutos Missionários Ad Gentes (IMAG) e Secretariados Diocesanos das Missões e na abertura, 18h00, vai estar presente D. Amândio Tomás, bispo de Vila Real, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

Da exposição, aberta a todos, crentes ou não e todas as idades, constam três secções: «Um conjunto de 12 roll-ups que aponta para Deus que “faz caminho com as pessoas”»;

«Uma série de objetos que abre o visitante ao encontro de culturas e religiões» e «Um jogo (jogo da glória) que convida à aventura de correr os caminhos do mundo e da Missão. É um jogo para todos mas sobretudo a pensar nas crianças, adolescentes e jovens».

Para celebrar o Centenário (30 de Novembro 1919 – 2019) da Carta Apostólica Maximum Illud de Bento XV, o Papa Francisco declarou Outubro de 2019 como Mês Missionário.

A CEP (Conferência Episcopal Portuguesa), na assembleia plenária de Abril passado, aprovou a nota pastoral “Todos, Tudo e Sempre em Missão”, lançando um ano missionário de Outubro 2018 a Outubro 2019.

LFS

Abr
13
Sáb
Viseu: Assembleia Diocesana de Jovens
Abr 13@10:00_16:00

Viseu, 28 mar 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Viseu vai realizar uma assembleia de jovens, onde está previsto um encontro com o bispo D. Luciano Cordeiro, no dia 13 de abril, no Santuário do Senhor dos Caminhos, em Rãs, no Sátão.

‘Jovem, põe-te a caminho!’ é o tema/convite da Assembleia Diocesana da Juventude de Viseu onde têm como objetivos “preparar líderes” que possam escutar e acompanhar jovens “nos níveis arciprestal e paroquial”.

A juventude de Viseu vai promover também a receção do Sínodo dos Bispos 2018, que teve como tema ‘os jovens, a fé e o discernimento vocacional’, e no próximo dia 2 vai ser publicada a Exortação apostólica pós-sinodal do Papa Francisco «Christus Vivit».

“Percorrer o caminho quaresmal com o bispo diocesano” é outro dos objetivos e está previsto um encontro e mensagem de D. Luciano Cordeiro aos jovens.

A assembleia diocesana da juventude de Viseu destina-se aos animadores de jovens, aos catequistas de crismandos e aos “jovens com potencial para ser animadores e catequistas”.

O Santuário do Senhor dos Caminhos, em Rãs, no Sátão, recebe o encontro que começa às 10h00 e termina com a oração de envio às 15h00, de 13 de abril.

A juventude de Viseu até à Jornada Mundial da Juventude de 2022, em Lisboa, está a viver o itinerário ‘A 7km – da JMJ PT2022/da felicidade’, com diversas propostas de encontro e reflexão que mobiliza a “escutar, ver, servir”.

CB

Jun
6
Qui
Vouzela: Exposição «A quem rezamos devoções nas épocas medieval e moderna»
Jun 6@16:00

Vouzela, 06 jul 2019 (Ecclesia) – O Museu Municipal de Vouzela inaugurou hoje a exposição ‘A quem rezamos devoções nas épocas medieval e moderna’, no âmbito da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC), que pode ser visitada até 5 de setembro.

A Diocese de Viseu informa que para sua “valorização” os trabalhos realizados pelos alunos foram integrados com “peças de arte” de algumas paróquias deste território.

A mostra ‘A quem rezamos…’ permitiu aos alunos o estudo de algumas devoções do período medieval e da transição para a Época Moderna e os trabalhos foram realizados em parceria com a disciplina de Educação Visual, por isso, foram também feitos alguns trabalhos de artes plásticas.

A diocese viseense informa que exposição inaugurada esta tarde pode ser visitada até 5 de setembro, no Museu Municipal de Vouzela.

CB

Jun
7
Sex
Vila Real: CNIS promove Festa da Solidariedade
Jun 7 todo o dia

Vila Real, 28 mai 2019 (Ecclesia) – A Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade (CNIS) promove, dia 07 de junho, em Vila Real, no âmbito da XIII Festa da Solidariedade, o seminário «Garantir os Valores com Sustentabilidade Financeira – Desafio para as Instituições».

O evento, que decorre na parte da manhã nos claustros do edifício do antigo Governo Civil de Vila Real (Largo Conde de Amarante), conta com a participação de Eduardo Vítor Rodrigues, presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia, Henrique Rodrigues, assessor da direção da CNIS, Marco António Costa, ex-Secretário de Estado da Segurança Social e Nuno Mota Pinto, vogal da Comissão Executiva do Banco Montepio, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

LFS

Jun
30
Dom
Vila Real: Apresentação de D. António Augusto Azevedo à diocese
Jun 30 todo o dia

Vila Real, 27 jun 2019 (Ecclesia) – O novo bispo da Diocese de Vila Real, D. António Augusto Azevedo, vai tomar posse, dia 30 de junho, às 16h00, naquela diocese do norte de Portugal.

No final da eucaristia, D. António Azevedo fica na Sé a receber os cumprimentos das autoridades e convidados, lê-se no comunicado enviado à Agência ECCLESIA.

O Papa Francisco nomeou D. António Augusto Azevedo bispo da Diocese de Vila Real, a 11 de maio.

Na saudação dirigida aos novos diocesanos, D. António Augusto Azevedo considera “uma grande honra” e “motivo de alegria” ser bispo das gentes de Trás-os-Montes e Alto Douro por quem tem “admiração pelo caráter e a cultura”.

Natural de Avioso, (concelho da Maia – Porto), D. António Augusto Azevedo tem 56 anos, foi ordenado padre a 13 de julho de 1986 e, após o curso de Teologia, estudou Filosofia na Universidade Pontifícia Gregoriana, de Roma.

Antes de ser nomeado bispo auxiliar do Porto, no dia 9 de janeiro de 2016, o sacerdote lecionou na Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa (UCP), no Centro de Cultura Católica e no Curso de Pastoral do Seminário Maior, sempre no Porto, tendo colaborado ainda com a Escola de Direito e da Faculdade de Educação e Psicologia da UCP.

O bispo auxiliar do Porto sucede a D. Amândio Tomás, bispo de Vila Real desde maio de 2011, onde foi também, durante três anos, coadjutor.

LFS

Igreja/Portugal: D. António Augusto Azevedo é o novo bispo de Vila Real

Jul
19
Sex
Igreja/Património: Concerto da Rota das Catedrais na Sé de Viseu
Jul 19 todo o dia

Viseu, 15 jul 2019 (Ecclesia) – A Sé de Viseu vai acolher, dia 19 deste mês, um concerto com a Orquestra Filarmonia das Beiras integrado no projeto nacional Rota das Catedrais.

O Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja e a Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) estão a promover, de 28 de junho a 26 de julho, às 21h30, a primeira edição do ciclo «Música nas Catedrais», lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

O concerto na Catedral de Viseu tem como soprano Isabel Alcobia; como contratenor João Paulo Azevedo e no órgão João Santos.

Obras de Johann Sebastian Bach (1685-1750); Georg Friedrich Händel (1685-1759) e Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) vão ser executadas pela Orquestra Filarmonia das Beiras.

A catedral ou Sé de Viseu, que começou a ganhar significado maior com a implantação da nacionalidade, sempre acolheu fraternalmente as diferentes correntes estéticas surgidas no decorrer da sua já tão longa viagem pelo tempo.

LFS

Jul
23
Ter
Viseu: Bispo convida a viver o dia da Dedicação da Catedral
Jul 23@18:00

D. António Luciano adianta também que vão «lembrar os avós» na memória de São Joaquim e Santa Ana

Viseu, 20 jul 2019 (Ecclesia) – O bispo de Viseu convidou os fiéis a viver o dia  da Dedicação da Catedral em “ação de graças, gratidão e em clima de festa”, pelas 18h00 do próximo dia 23 de julho, lembrando o sentido e importância desta igreja.

“Todos os fiéis são convidados para a celebração solene da Eucaristia da Dedicação deste templo; Vivamos este dia em ação de graças, gratidão e em clima de festa”, escreveu D. António Luciano na sua ‘Palavra do Pastor’.

O bispo de Viseu sublinha que convida todos à reunião “à volta do altar da Catedral” para celebrarem festivamente a Eucaristia, “com o perfume da unção espiritual, da oração e da caridade fraterna” o altar “seja sempre um lugar sagrado”, centro aglutinador duma Igreja viva sempre unida ao bispo na “Igreja Mãe da Diocese e em todos os seus espaços e lugares”.

“Somos um povo que caminha junto em experiência sinodal, um povo em missão evangelizadora, um povo em comunhão, um povo em unidade, um povo em renovação. Somos a Igreja de Cristo, “Ele é a Cabeça da Igreja”, nós somos os seus membros em festa de louvor e ação de graças à Santíssima Trindade. Somos um povo que escuta a Palavra de Deus em caminhada de conversão pastoral e atenta às periferias”, desenvolveu.

D. António Luciano lembra que foi neste dia 23 de julho, em 2006, a ordenação episcopal e tomada de posse do bispo emérito D. Ilídio Leandro: “Por quem damos graças a Deus e por quem rezamos para que Deus lhe dê muita saúde e longos anos de vida e ministério. Parabéns! “Ad multos annus”.

“Peço ao povo santo de Deus e a todas as pessoas de boa vontade, que não se esqueçam deste vosso Pastor e Bispo. Rezem por mim, neste primeiro aniversário de presença no meio de vós. Eu, de coração agradecido, também darei graças por cada um de vós”, escreve também.

O bispo de Viseu assinala ainda que no dia 26 de julho, memória de São Joaquim e Santa Ana, pais de Nossa Senhora, vão “lembrar os avós” a quem pediu que ajudem “os netos na caminhada da fé”.

“Ajudai também os vossos filhos a serem bons filhos. Todos, avós, pais e filhos e netos a serdes boas famílias. Também eu rezo por vós e peço a Deus que vos ajude e abençoe. Parabéns, caros avós, por estardes a cumprir com amor e compaixão a vossa missão”, acrescentou D. António Luciano, no artigo publicado no sítio online da Diocese de Viseu.

CB

Ago
6
Ter
Igreja: Bispo de Viseu preside à festa do Senhor Bom Jesus do Pico
Ago 6 todo o dia

Angra do Heroísmo, Açores, 02 jul 2019 (Ecclesia) – O bispo de Viseu, D. António Luciano, vai presidir à “festa principal” do Senhor Bom Jesus Milagroso, “uma das mais emblemáticas manifestações religiosas do Arquipélago dos Açores”, que começam com uma novena a partir de 27 de julho.

“Não se trata de uma festa apenas do Pico mas de todas as ilhas do triângulo (Pico, Faial, São Jorge)”, disse o reitor do Santuário do Senhor Bom Jesus do Pico, o padre Marco Martinho, divulga o sítio diocesano ‘Igreja Açores’.

‘Ai de mim se não evangelizar é mote para as celebrações no santuário diocesano em São Mateus: A “festa principal”, a 6 de agosto, vai ser presidida por D. António Luciano, bispo da Diocese de Viseu que foi nomeado a 3 de maio de 2018.

A novena de preparação que este ano vai ter como pregador o padre Jacob Vasconcelos, diretor do Serviço da Catequese, Evangelização e Missão de Angra, começa dia 27 de julho.

O Senhor Bom Jesus Milagroso “é uma das mais emblemáticas” manifestações religiosas da Diocese de Angra e do Arquipélago dos Açores que conta com a participação de “milhares de forasteiros, sobretudo das ilhas vizinhas e também da diáspora”, entre 27 de julho até 7 de agosto.

O sítio online ‘Igreja Açores’ contextualiza que a festa que remonta a 1862, quando o emigrante Francisco Ferreira Goulart trouxe do Brasil uma imagem do Senhor Bom Jesus, cópia fiel das que se veneram”, mas a devoção que já existia era ao Senhor Crucificado”.

CB