Calendário

[wcp-carousel id=”90845″]

Nov
24
Dom
Bragança: Iniciativa «Encontros improváveis: conversas da Fé»
Nov 24@15:00

Bragança, 22 nov 2019 (Ecclesia) – Na Igreja matriz de Alfândega da Fé (Diocese de Bragança-Miranda) realiza-se, dia 24 deste mês, às 15h00, a iniciativa «Encontros improváveis: conversas da Fé».

Nesta atividade vão estar presentes “nomes de referência em distintas áreas e com raízes neste território”, como o D. José Cordeiro, Paulo Mendes Pinto, Duarte Soares, Paulo Meirinhos, com moderação de Fátima Pimparel, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

«Encontros improváveis: conversas da Fé» enquadra-se na celebração dos 75 anos da consagração do concelho de Alfândega da Fé ao Imaculado Coração de Maria e onde são feitas reflexões sobre “o sentido da vida, do lugar da fé e do papel do crente na sociedade civil, tendo sempre como horizonte a promoção integral e a defesa da pessoa humana”, lê-se.

LFS

Nov
25
Seg
Açores: Semana Bíblica dedicada ao «Evangelho de São João»
Nov 25@20:00_Nov 29@22:00

Angra, Açores, 20 nov 2019 (Ecclesia) – A XXV Semana Bíblica da Diocese de Angra realiza-se de 25 a 29 deste mês, às 20h00, na Ilha de São Miguel (Salão Paroquial de Nossa Senhora da Estrela – Ribeira Grande) e vai ser dedicada ao «Evangelho de São João».

Esta iniciativa é promovida pelo Secretariado Bíblico de São Miguel e tem como conferencista o padre Francisco Ruivo, da Diocese de Santarém, com formação na Pontifícia Universidade Gregoriana e no Pontifício Instituto Bíblico (Roma – Itália), realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

A organização convida os participantes a levarem “ao longo da semana géneros alimentares” que vão reverter “a favor da Cáritas e que depois serão entregues a famílias carenciadas”, escreve o assistente do Secretariado Bíblico e ouvidor da Ribeira Grande, padre Vítor Medeiros.

LFS

Nov
26
Ter
Igreja/Ambiente: Pastoral da Cultura e Universidade dos Açores refletem sobre ecologia
Nov 26 todo o dia

Ponta Delgada, Açores, 21 nov 2019 (Ecclesia) – O Serviço da Pastoral da Cultura da Diocese de Angra, em parceria com a Universidade dos Açores, promove dois «ECOntros: economia, ecologia e humanização» (26 de novembro e 07 de fevereiro), sobre ecologia integral.

Uma atividade desenvolvida no âmbito da caminhada sinodal diocesana que, no momento presente, “procura escutar a voz da atualidade”, informa uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O primeiro evento, relacionado com a economia, consiste numa aula aberta na Universidade dos Açores, no dia 26 de novembro, entre as 16h00 e as 18h00 e será moderada pelo presidente da Faculdade de Economia e Gestão, Francisco Silva, e tem como intervenientes Gualter Furtado, presidente do Conselho Económico e Social da Região Autónoma dos Açores; Mário Fortuna, presidente da Câmara de Comércio e Indústria de Ponta Delgada; Zuraida Soares, ex-deputada do Bloco de Esquerda na Assembleia Legislativa dos Açores; Luís Toste, gestor de clientes do Novo Banco dos Açores e o padre Ricardo Tavares, teólogo e diretor do Serviço Diocesano da Pastoral da Cultura.

A segunda sessão ocupa-se das várias dimensões que constituem uma “ecologia integral e integradora” e realiza-se no Centro Pastoral Pio XII, em Ponta Delgada (Ilha de São Miguel), no dia 07 de fevereiro, entre as 20h00 e as 22h00.

“Pretende-se que, para além da abordagem a cada um dos temas, se faça uma avaliação da situação em que se encontra a Região Autónoma dos Açores, analisando algumas das suas fragilidades e propondo soluções possíveis”, sublinha ainda a nota da organização.

LFS

Nov
30
Sáb
Bragança: Vila Flor acolhe abertura do ano litúrgico e pastoral
Nov 30 todo o dia

Bragança, 31 out 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Bragança-Miranda inicia, dia 30 de novembro, em Vila Flor (Centro Cultural) o novo ano litúrgico e pastoral dedicado ao dom da caridade e mistério de vida eterna

Na sessão de abertura, presidida por D. José Cordeiro, segue-se uma conferência pelo padre António Valério, jesuíta, diretor da Rede Mundial de Oração do Papa em Portugal, lê-se no programa enviado à Agência ECCLESIA.

Após a conferência apresenta-se o Plano Pastoral 2019/2020 pelo padre José Bento Soares, vigário episcopal para a Ação Pastoral e Diaconia da Caridade.

Depois do almoço realiza-se uma mesa redonda («Uma Palavra de Partilha») onde alguns agentes pastorais abordarão as procissões enquanto atos de fé, o papel dos acólitos e dos ministros extraordinários da comunhão, a fé dos ciganos, e o canto litúrgico.

LFS

Dez
1
Dom
Açores: Ordenação de sete diáconos na Sé de Angra
Dez 1@18:00

Angra, Açores, 20 nov 2019 (Ecclesia) – Seis seminaristas do Seminário Episcopal de Angra (Ilha Terceira – Açores) e um frade carmelita descalço vão ser ordenados a 1 de dezembro, às 18h00, na Sé daquela diocese

“É a primeira vez desde o ano jubilar de 2000 que a catedral de Angra recebe um número tão elevado de ordenações diaconais em simultâneo, naquela altura foram ordenados 10 diáconos, dois deles irmãos gémeos”, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Os seis seminaristas são alunos do 6º ano do Seminário Episcopal de Angra e são todos da ilha de São Miguel: dois da ouvidoria de Ponta Delgada – Igor Oliveira (São Roque) e Aurélio Sousa (Sete Cidades) -, dois da ouvidoria das Capelas – Pedro Carvalho (Santa Bárbara) e João farias (Santo António) -, um da ouvidoria da Povoação – Sandro Costa (Furnas) – e outro da Ribeira Grande, Nuno Pacheco de Sousa (Ribeirinha).

Na celebração, que será presidida pelo bispo de Angra, D. João Lavrador, vai ser ainda ordenado diácono Frei Renato da Cruz que é carmelita descalço.

Frei Renato da Cruz professou solenemente no passado dia 14 de dezembro, no Convento Stella Maris (Porto), é natural da Vila Nova, na Ilha Terceira, onde nasceu a 3 de maio de 1992.

LFS

Dez
8
Dom
Bragança: Campanha «Natal na Prisão» recolhe meias e sabonetes
Dez 8 todo o dia

Bragança, 22 nov 2019 (Ecclesia) – O Serviço da Pastoral Penitenciária da Diocese de Bragança-Miranda, em colaboração com a Cáritas Diocesana, está a promover de, 16 deste mês a 08 de dezembro, a campanha «Natal na Prisão».

A ação consiste na “recolha de meias e sabonetes”, para os cerca de 500 reclusos dos Estabelecimentos Prisionais de Bragança e de Izeda, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA

Esta campanha anual procura levar “a boa nova do nascimento de Cristo aos Estabelecimentos Prisionais”, além “dos donativos que serão entregues às pessoas privadas de liberdade como presentes de Natal”, procura-se sobretudo “sensibilizar a sociedade para esta realidade oculta à maioria da população”, lê-se.

As Unidades Pastorais, paróquias, IPSS e estabelecimentos de ensino são convidadas a aderir à campanha.

LFS

Fev
7
Sex
Igreja/Ambiente: Pastoral da Cultura e Universidade dos Açores refletem sobre ecologia
Fev 7 todo o dia

Ponta Delgada, Açores, 21 nov 2019 (Ecclesia) – O Serviço da Pastoral da Cultura da Diocese de Angra, em parceria com a Universidade dos Açores, promove dois «ECOntros: economia, ecologia e humanização» (26 de novembro e 07 de fevereiro), sobre ecologia integral.

Uma atividade desenvolvida no âmbito da caminhada sinodal diocesana que, no momento presente, “procura escutar a voz da atualidade”, informa uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O primeiro evento, relacionado com a economia, consiste numa aula aberta na Universidade dos Açores, no dia 26 de novembro, entre as 16h00 e as 18h00 e será moderada pelo presidente da Faculdade de Economia e Gestão, Francisco Silva, e tem como intervenientes Gualter Furtado, presidente do Conselho Económico e Social da Região Autónoma dos Açores; Mário Fortuna, presidente da Câmara de Comércio e Indústria de Ponta Delgada; Zuraida Soares, ex-deputada do Bloco de Esquerda na Assembleia Legislativa dos Açores; Luís Toste, gestor de clientes do Novo Banco dos Açores e o padre Ricardo Tavares, teólogo e diretor do Serviço Diocesano da Pastoral da Cultura.

A segunda sessão ocupa-se das várias dimensões que constituem uma “ecologia integral e integradora” e realiza-se no Centro Pastoral Pio XII, em Ponta Delgada (Ilha de São Miguel), no dia 07 de fevereiro, entre as 20h00 e as 22h00.

“Pretende-se que, para além da abordagem a cada um dos temas, se faça uma avaliação da situação em que se encontra a Região Autónoma dos Açores, analisando algumas das suas fragilidades e propondo soluções possíveis”, sublinha ainda a nota da organização.

LFS