Calendário

[wcp-carousel id=”90845″]

Dez
10
Ter
Guarda: Diocese recebe comemorações do Dia Internacional dos Direitos Humanos
Dez 10@18:00

Sé da Guarda vai receber título honorífico «Lugar de Paz, Fé e Cultura»

Guarda, 10 dez 2019 (Ecclesia) – A Diocese da Guarda recebe hoje as comemorações do Dia Internacional dos Direitos Humanos, promovida pelo Observatório Internacional de Direitos Humanos, a partir das 18h00, onde a sua Sé vai receber título honorífico ‘Lugar de Paz, Fé e Cultura’.

Num comunicado enviado à Agência ECCLESIA, a Diocese da Guarda informa que o Observatório Internacional de Direitos Humanos (OIDH) classifica a sua Sé de ‘Lugar de Paz, Fé e Cultura’, “inserido numa corrente solidária, à escala planetária pela paz mundial”, à semelhança do Convento de São Salvador, em Jerusalém, classificado como ‘Lugar de Paz e Bem’.

O título honorífico ‘Lugar de Paz, Fé e Cultura’ vai ser entregue à Sé da Guarda pelo presidente do OIDH, Luís Andrade, e o Papa Francisco e a Biblioteca Apostólica Vaticana e a Organização das Nações Unidas – ONU, vão igualmente receber um exemplar deste título.

O Papa Francisco já assinalou o Dia Internacional dos Direitos Humanos com um tweet na sua conta @pontifex na rede social Twitter, com o hasthag (marcador) #DireitosHumanos.

“O ser humano é sempre sagrado e inviolável, em qualquer situação e em cada fase do seu desenvolvimento. Se esta convicção ruir, não permanecerá fundamentos sólidos e permanentes para a defesa dos #DireitosHumanos.”

As comemorações do Dia Internacional dos Direitos Humanos começam com cânticos tradicionais africanos pela Associação dos Estudantes dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa da Guarda (AEPALOP), às 18h00.

Depois o programa continua com o cónego Manuel Pereira de Matos que vai apresentar as “Raízes Cristãs da Declaração Universal dos Direitos Humanos”, Khalid Jamal, do Observatório do Mundo Islâmico, e José Levy Domingos, da Comunidade Judaica de Belmonte, que vão falar, respetivamente, sobre “O Islão dos Direitos Humanos” e as “raízes Judaicas da Declaração Universal dos Direitos Humanos”.

A responsável pelo  secretariado nacional da Fundação pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) em Portugal, Catarina Martins Bettencourt , apresenta o relatório sobre a situação do Direito à Liberdade Religiosa no Mundo relativo a 2018.

Às 19h00 começa um concerto do Grupo Coral Polifónico Pedras Vivas, com direção do maestro Vítor Casanova.

Segundo o comunicado, o Observatório Internacional de Direitos Humanos, que promove esta iniciativa tem associado entidades de vários lugares do mundo que “manifestam a sua incondicional solidariedade” com este evento, onde se incluem países do Continente Americano (Brasil), da Ásia (China), por exemplo.

CB/OC

Coimbra: D. Virgílio Antunes celebra Nossa Senhora do Loreto
Dez 10@21:00

Coimbra, 09 dez 2019 (Ecclesia) – O bispo de Coimbra, D. Virgílio Antunes, celebra, esta terça-feira, às 21h00, a Eucaristia da memória litúrgica de Nossa Senhora do Loreto.

A celebração é na “vetusta Capela do Loreto (do século XVI), a norte da Cidade de Coimbra”, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O Papa Francisco decretou, no passado mês de Outubro, que a celebração da Bem-Aventurada Virgem Maria do Loreto fosse inscrita como “memória facultativa” no Calendário Romano Geral, a 10 de dezembro.

“Esta celebração ajudará a todos, especialmente as famílias, os jovens e os religiosos, a imitar as virtudes da perfeita discípula do Evangelho, a Virgem Maria, que concebendo a Cabeça da Igreja acolheu também a nós consigo” explicava a Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos da Santa Sé.

Na ocasião, será exposto um painel com a reprodução fotográfica, devidamente autorizada, da imagem original da Virgem Maria daquela Capela, que, atualmente, encontra-se na exposição permanente do Museu Nacional de Machado de Castro.

No final da Eucaristia, terá lugar o anúncio da campanha para o restauro do altar-mor renascentista daquele templo.

LFS

Dez
14
Sáb
Igreja/Meditação: Seminário de Coimbra convida as pessoas a «tirar» um dia por mês
Dez 14 todo o dia

Coimbra, 23 nov 2019 (Ecclesia) – O Seminário de Coimbra propõe a partir de hoje, aos cristãos daquela diocese que tirem um dia por mês para descansar e para dar tempo a si mesmo.

A iniciativa intitulada «SHABBATH 2019-2020» é um tempo e um espaço para as pessoas se reencontrarem com o “seu interior” e para se deixarem “elevar pelo sagrado”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O dia proposto é sempre ao sábado, das 09h30 às 17h00, no Seminário Maior de Coimbra, e a psicologia, a teologia, o silêncio, a meditação… são apenas instrumentos para reencontrar a paz interior e o sentido pleno da existência.

O ciclo começa hoje e o tema é «Há vida na minha agenda?» sendo orientado pelo padre Nuno Santos e Jacinta Paiva.

No dia 14 de dezembro, no mesmo local, e em contexto de advento o padre Nuno Santos fala para os jovens (até aos 35 anos) sobre «#conectar-me» e Jacinta Paiva reflete (para adultos) sobre «Trazer Deus dentro de mim», lê-se.

O padre franciscano Luis Oliveira, no dia 25 de janeiro, aborda o tema «Emoções – caminho de santidade» e no dia 22 de fevereiro (em contexto de quaresma) o padre Nuno Santos dá o contributo para os jovens (até aos 35 anos) sobre «#recentrar / redirecionar/ recalcular» e Jacinta Paiva reflete (para adultos) sobre «As sedes que me habitam», lê-se.

LFS

Dez
16
Seg
Coimbra: Cáritas diocesana promove campanha «Natal Solidário»
Dez 16 todo o dia

Coimbra, 04 Dez 2019 (Ecclesia) – A Cáritas Diocesana de Coimbra, através do seu Centro de Apoio Social (CAS), está a promover a campanha «Natal Solidário 2019», que este ano decorre até ao dia 16 de dezembro.

Esta iniciativa anual é “já uma tradição do CAS”, que pretende, desta forma, angariar “bens para rechear os cabazes de Natal que serão entregues a cerca de 200 famílias em situação de carência económica”, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Em 2018, a Cáritas Diocesana de Coimbra conseguiu angariar “produtos suficientes para compor cabazes que chegaram a 205 famílias”.

A generosidade da comunidade permitiu apoiar no total 645 pessoas, destacando as 260 crianças que receberam um presente, lê-se na nota

Os cabazes serão compostos por diversos bens, como: açúcar, farinha, azeite, óleo, atum, salsichas, feijão/grão, produtos hortícolas, leite, bolachas, cereais, queijo, compota/mel, bolo-rei, bacalhau e produtos de higiene.

A pensar nos mais novos, a Cáritas Diocesana de Coimbra também recebe brinquedos/presentes para colocar nos cabazes das famílias com filhos.

LFS

Jan
25
Sáb
Igreja/Meditação: Seminário de Coimbra convida as pessoas a «tirar» um dia por mês
Jan 25 todo o dia

Coimbra, 23 nov 2019 (Ecclesia) – O Seminário de Coimbra propõe a partir de hoje, aos cristãos daquela diocese que tirem um dia por mês para descansar e para dar tempo a si mesmo.

A iniciativa intitulada «SHABBATH 2019-2020» é um tempo e um espaço para as pessoas se reencontrarem com o “seu interior” e para se deixarem “elevar pelo sagrado”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O dia proposto é sempre ao sábado, das 09h30 às 17h00, no Seminário Maior de Coimbra, e a psicologia, a teologia, o silêncio, a meditação… são apenas instrumentos para reencontrar a paz interior e o sentido pleno da existência.

O ciclo começa hoje e o tema é «Há vida na minha agenda?» sendo orientado pelo padre Nuno Santos e Jacinta Paiva.

No dia 14 de dezembro, no mesmo local, e em contexto de advento o padre Nuno Santos fala para os jovens (até aos 35 anos) sobre «#conectar-me» e Jacinta Paiva reflete (para adultos) sobre «Trazer Deus dentro de mim», lê-se.

O padre franciscano Luis Oliveira, no dia 25 de janeiro, aborda o tema «Emoções – caminho de santidade» e no dia 22 de fevereiro (em contexto de quaresma) o padre Nuno Santos dá o contributo para os jovens (até aos 35 anos) sobre «#recentrar / redirecionar/ recalcular» e Jacinta Paiva reflete (para adultos) sobre «As sedes que me habitam», lê-se.

LFS

Fev
22
Sáb
Igreja/Meditação: Seminário de Coimbra convida as pessoas a «tirar» um dia por mês
Fev 22 todo o dia

Coimbra, 23 nov 2019 (Ecclesia) – O Seminário de Coimbra propõe a partir de hoje, aos cristãos daquela diocese que tirem um dia por mês para descansar e para dar tempo a si mesmo.

A iniciativa intitulada «SHABBATH 2019-2020» é um tempo e um espaço para as pessoas se reencontrarem com o “seu interior” e para se deixarem “elevar pelo sagrado”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O dia proposto é sempre ao sábado, das 09h30 às 17h00, no Seminário Maior de Coimbra, e a psicologia, a teologia, o silêncio, a meditação… são apenas instrumentos para reencontrar a paz interior e o sentido pleno da existência.

O ciclo começa hoje e o tema é «Há vida na minha agenda?» sendo orientado pelo padre Nuno Santos e Jacinta Paiva.

No dia 14 de dezembro, no mesmo local, e em contexto de advento o padre Nuno Santos fala para os jovens (até aos 35 anos) sobre «#conectar-me» e Jacinta Paiva reflete (para adultos) sobre «Trazer Deus dentro de mim», lê-se.

O padre franciscano Luis Oliveira, no dia 25 de janeiro, aborda o tema «Emoções – caminho de santidade» e no dia 22 de fevereiro (em contexto de quaresma) o padre Nuno Santos dá o contributo para os jovens (até aos 35 anos) sobre «#recentrar / redirecionar/ recalcular» e Jacinta Paiva reflete (para adultos) sobre «As sedes que me habitam», lê-se.

LFS