Calendário

[wcp-carousel id=”90845″]

Out
14
Seg
Migrações: Encontro de Missionários ao serviço das Comunidades de Língua Portuguesa
Out 14_Out 18 todo o dia

Lisboa, 16 out 2019 (Ecclesia) – Na cidade de Augsburg (Alemanha) está a decorrer (14 a 18 deste mês) o encontro anual de Missionários que estão ao serviço das Comunidades de Língua Portuguesa, residentes na Europa.

O tema foi escolhido em função das necessidades apontadas pelos delegados responsáveis de cada país, reunidos no princípio deste ano na Conferência Episcopal Portuguesa, e vão abordar “a questão dos escândalos sexuais na Igreja: Como chegamos até aqui? Como vamos seguir daqui em diante?”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Nesta iniciativa vai estar Cátia Almeida, pedopsiquiatra, monitora e coordenadora em Viseu do Programa «Protege o Teu Coração» e Margarida Neto, psiquiatra, pós-graduada em sexologia e em terapia conjugal e familiar, lê-se na nota.

Está ainda previsto no programa a visita ao Memorial do Campo de Concentração de Dachau.

Este encontro conta com a participação do bispo da Comissão que acompanha o sector das Migrações e da diretora da Obra Católica Portuguesa de Migrações.

LFS

Out
17
Qui
Bragança: Iniciativas no Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja
Out 17_Out 18 todo o dia

Bragança, 10 out 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Bragança-Miranda vai assinalar com várias iniciativas (17 e 18 de outubro), o Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja, no concelho de Miranda do Douro.

No dia 17 de outubro, o Centro de Conservação e Restauro (CCR), em Sendim, vai ter as portas abertas para “dar a conhecer o como e porquê do trabalho desenvolvido, os materiais e técnicas utilizadas, as distintas áreas científicas que abrange a profissão, assim como tem a pretensão de sensibilizar para o património”, salienta Joana Afonso, diretora do CCR.

Além da comunidade escolar do Agrupamento de Escolas de Miranda do Douro (alunos do 12.º ano e do Curso Profissional de Turismo), o CCR espera receber todos os interessados em história e património.

No dia seguinte estão previstas duas ações de sensibilização para a conservação do património religioso: uma na igreja da Senhora da Expetação, em Malhadas, e outra na igreja de S. Pedro, em S. Martinho de Angueira.

Com estas ações pretende-se “alertar as comunidades paroquiais para as boas práticas de conservação do património religioso, e que vão desde a escultura à talha passando pela pintura, pela ourivesaria e os têxteis”, refere o padre António Pires.

Para o presidente da Comissão Diocesana de Arte Sacra e Bens Culturais, este tipo de ações “pretendem sobretudo incentivar a mudanças nas práticas incorretas”, salienta.

LFS

 

Coimbra: Visitas a monumentos e concerto no Dia dos Bens Culturais da Igreja
Out 17_Out 20 todo o dia

Coimbra, 11 out 2019 (Ecclesia) – Para celebrar o Dia dos Bens Culturais da Igreja (18 de outubro), a Comissão de Arte Sacra e Património da Diocese de Coimbra promove várias visitas guiadas a Igrejas daquele território e também concertos.

Na Diocese de Coimbra, as iniciativas evocativas desta jornada vão realizar-se entre os dias 17 e 20 de outubro e incluem visitas guiadas ao Mosteiro de Santa Cruz; Sé Velha; Igreja da Rainha Santa Isabel; Igreja de São Pedro de Buarcos; Capela de Nossa Senhora da Conceição (Buarcos) e Seminário Maior de Coimbra e concertos no Mosteiro de Semide e Mosteiro de Lorvão, lê-se no programa enviado à Agência ECCLESIA.

Esta jornada, que é da iniciativa do Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja, tem por objetivo promover a reflexão e a partilha do trabalho desenvolvido no contexto das dioceses portuguesas, envolvendo instituições ligadas ao património cultural, dentro e fora do contexto eclesial.

Para esta edição do Dia Nacional dos Bens Culturais da Igreja, o Secretariado Nacional propõe o desenvolvimento de ações que traduzam o encontro entre a missão litúrgica do património, a sua preservação material e a sua valorização cultural.

LFS

Out
18
Sex
História da Igreja: Porto recorda duas efemérides de D. António Ferreira Gomes
Out 18 todo o dia

Porto, 15 out 2019 (Ecclesia) – Para celebrar os 50 anos do regresso de D. António Ferreira Gomes do exílio e os 60 anos da carta a Salazar, a Fundação SPES e o Cabido da Sé do Porto organizam, dia 18 deste mês, um colóquio e um momento de teatro e música.

A primeira parte da iniciativa – reflexões e debate – decorre no Auditório do Paço Episcopal e conta com uma intervenção de José Barreto que falará sobre «O exílio do Bispo do Porto e a diplomacia da Santa Sé», refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O historiador Paulo Fontes apresenta também uma reflexão sobre «D. António Ferreira Gomes e o movimento católico do século XX» e no final da tarde realiza-se um mesa redonda, moderada pelo jornalista Júlio Magalhães, com intervenções de Amândio Azevedo; Levo Guerra; Jorge Cunha e Emanuel Brandão.

A noite do dia 18 deste mês será de evocação de D. António Ferreira Gomes, na Sé do Porto, com um momento de teatro e música com o título «Um bispo para sempre».

Nesta iniciativa vai ser feita a estreia de uma peça musical de Fernando Lapa sobre o poema de Sofia de Melo Breyner Andresen «D. António Ferreira Gomes».

LFS

Igreja/Cultura: 12 concertos na edição da «Temporada Música em São Roque»
Out 18 todo o dia

Lisboa, 10 out 2019 (Ecclesia) – A 31ª edição da Temporada Música em Roque (TMSR) começa esta sexta-feira e vai ter 12 concertos “únicos e imperdíveis”, organizada pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

O maestro Filipe Carvalheiro é o diretor artístico deste evento, que decorre até ao dia 10 de novembro e que será composto por 12 concertos, que incluem algumas das orquestras e coros “mais conceituados do panorama da música clássica portuguesa”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

A 31ª edição da Temporada Música em São Roque terá o Coro Gulbenkian a fazer as honras de abertura, com a «Petite Messe Solennelle», a pequena pérola religiosa de Gioachino Rossini, lê-se.

O Camerata Atlântica vai apresentar (13 outubro), em estreia mundial, a Sinfonietta para Cordas de Sérgio Azevedo, escrita a partir de esboços e andamentos inacabados que, por uma razão ou por outra, estavam “adormecidos em papel”.

O Coro Casa da Música leva (18 de outubro) à Igreja de São Roque a grandiosidade e serenidade das Vésperas de Claudio Monteverdi, enquanto que a Orquestra Orbis irá apresentar (19 de outubro) a obra-prima de André Caplet.

O Capella Joanina vai apresentar (20 de outubro) algumas obras do barroco ibérico que foram proibidas por decreto régio, e o grupo Divino Sospiro irá brindar (23 de outubro) o público com o “Passio Ibérica”, uma visão da piedade culta e popular do tema das Sete Palavras de Cristo na Cruz e do Stabat Mater, na tradição ibérica do século XVIII.

As Vozes Alfonsinas (25 de outubro) levarão ao Convento dos Cardaes as itinerâncias trovadorescas, através da redescoberta das cantigas medievais em Galego-Português; e o Concerto Campestre recordará (27 de outubro) o nascimento da Modinha em Portugal.

Os Ensemble MPMP irão apresentar (dia 01 de novembro) duas das maiores obras de João Domingos Bomtempo, a par com a estreia absoluta de uma obra de Hugo Ribeiro (que ganhou o prémio Musa 2019).

Vai ser também possível assistir (03 de novembro) ao concerto do grupo Cupertinos, que vai apresentar um programa baseado no seu 1º – e aclamado – trabalho discográfico, que representa uma incursão pela obra magistral de Manuel Cardoso.

Os Cupertinos são considerados os embaixadores da Polifonia Portuguesa e foram distinguidos recentemente pela revista britânica Gramophone, na categoria de Música Antiga.

Também faz parte do programa (08 de novembro) desta 31ª edição o grupo Sete Lágrimas que, este ano, comemora o seu 20º aniversário.

Já a fechar a temporada, e com o objetivo de encorajar o trabalho dos jovens músicos, vai estar presente (10 de novembro) a Orquestra Geração.

Os “palcos” dos concertos desta edição serão distribuídos pela Igreja de S. Roque, Igreja de São Pedro de Alcântara, Mosteiro de Santos-o-Novo e Convento dos Cardaes.

LFS

Pastoral Juvenil: Monge português da Comunidade de Taizé visita dioceses portuguesas
Out 18_Out 26 todo o dia

Foto: Irmão David, da Comunidade Ecuménica de Taizé, Patriarcado de Lisboa

Lisboa, 17 out 2019 (Ecclesia) – O irmão David, o único monge português da Comunidade Ecuménica de Taizé, vai estar em Portugal, de 18 a 26 deste mês, onde vai estar com os jovens em diversas dioceses e participar no Fórum Ecuménico Jovem (FEJ).

A partir desta sexta-feira e até ao dia 25 de outubro, o irmão David vai estar em oito dioceses e no dia seguinte (26) participa na XX edição do FEJ que vai reunir jovens de diversas Igrejas Cristãs, no tema «Atreve-te a ser…», na Universidade da Beira Interior, na Covilhã, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O primeiro encontro vai ser em Lisboa, às 19h45, na Igreja de São Nicolau (baixa da capital portuguesa) e no dia seguinte (19 de outubro) vai participar no encontro diocesano de Taizé da Diocese de Portalegre – Castelo Branco que se realiza na localidade de Constância.

Em Santarém, na Igreja de São Nicolau (17h00), no dia 20 de outubro; na igreja do Carmo (às 20h30) na cidade de Aveiro a 21 deste mês; encontro e oração (às 21h00 de 22 de outubro) na Paróquia de Almacave (Lamego); no Porto (igreja de São José das Taipas, às 21h30) no dia 23 de outubro; em Viseu (na igreja dos Terceiros de São Francisco) às 21h00 do dia 24 deste mês e na igreja Matriz do Fundão (Diocese da Guarda), às 21h30 do dia 25 deste mês são os restantes encontros do irmão David.

No último dia, 26 de outubro, vai estar na Covilhã (09h00-17h00) para participar no XX Fórum Ecuménico Jovem.

A comunidade ecuménica de Taizé  está a preparar o Encontro Europeu de final de ano que se vai realizar na cidade polaca de Wroclaw, no final de 2019.

LFS

Portugal: Fórum Ecuménico Jovem na Covilhã

 

Vida Consagrada: Congresso de espiritualidade «As Fontes da Alegria»
Out 18_Out 20 todo o dia

Fátima, 26 jul 2019 (Ecclesia) – Os institutos de inspiração carmelita e teresiana promovem, de 18 a 20 de outubro, na Domus Carmeli, (Fátima) o congresso de espiritualidade «As Fontes da Alegria».

Estes institutos (Ordem do Carmo, Ordem dos Carmelitas Descalços, Carmelitas Missionárias, Companhia de Santa Teresa, Instituição Teresiana) ao programarem esta iniciativa “decidiram sintonizar com o magistério do Papa Francisco e perguntar-se pelas realidades da vida espiritual que conduzem a esta alegria”, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O magistério do Papa Francisco “tem insistido no tema da alegria como fruto e sinal visível de santidade de vida” e as várias exortações apostólicas «A Alegria do Evangelho»; «A Alegria do Amor»; «Alegrai-vos e Exultai» são a prova desta temática dominante do papa argentino.

LFS

Lisboa: Encontro Diocesano da Pastoral Sócio Caritativa
Out 18@9:00_13:00

Lisboa, 10 out 2019 (Ecclesia) – O Departamento da Pastoral Sócio Caritativa do Patriarcado de Lisboa, em colaboração com a Federação Solicitude, organiza, dia 18 deste mês, um encontro para responsáveis desta área, no Centro Diocesano de Espiritualidade Imaculado Coração de Maria, Turcifal.

O encontro, das 09h00 às 13h00, é orientado pelo cardeal-patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, e tem como tema «Sair com Cristo ao encontro de todas as periferias», lê-se no programa enviado à Agência ECCLESIA.

Na atividade do dia 18 deste mês (O Dia intitulado da Solicitude), os participantes vão ser sensibilizados para a vivência das Semanas Vicariais da Caridade e vai ser divulgado o congresso, refere a nota enviada à Agência ECCLESIA.

LFS

Açores: Seminário de Angra assinala Dia dos Bens Culturais da Igreja
Out 18@11:00_Out 19@13:00

Angra do Heroísmo, Açores, 16 oput 2019 (Ecclesia) – O Seminário de Angra vai ter patente ao público a exposição de Arte Sacra ‘Deus está aqui’, pelo Dia dos Bens Culturais da Igreja, esta sexta-feira e sábado, dias 18 e 19, na Capela da Natividade.

“A exposição tem por objetivo assinalar este dia através de uma seleção de objetos de arte sacra, pertença desta instituição, deixando assim adivinhar os percursos de fé de tantos jovens açorianos que por aqui passaram ao longo dos últimos 156 anos e tantas mudanças de leitura e de relacionamento com o divino ao longo deste tempo”, informa a organização.

A mostra aberta ao público em geral divide-se por três espaços – capela, sacristia e antessala- e apresenta obras de pintura, escultura, têxteis, ourivesaria e documentos gráficos.

A exposição de Arte Sacra ‘Deus está aqui’ pode ser visitada das 11h00 às 19h00, desta sexta-feira, 18 de outubro – o Dia dos Bens Culturais da Igreja – e entre as 10h00 e as 13h00 do dia seguinte, na Capela da Natividade, do Seminário de Angra.

Segundo a organização, o tema é “não somente como uma resposta ao grande tema proposto na missiva do Vigário Geral de Angra – Deus já não habita aqui?”, mas também como “reafirmação” da capela e “da dinâmica que esta casa assume, ou não fosse ela a Casa Santa Mimosa de Deus, o coração da Diocese”.

O sítio online diocesano ‘Igreja Açores’ contextualiza que esta iniciativa é promovida no âmbito da disciplina de Arte e Património, que integra o plano curricular do Seminário de Angra, e envolve o trabalho da turma do 6.º ano, com a orientação da professora Marta Bretão.

A Diocese de Angra vai promover o Dia dos Bens Culturais da Igreja com conferências, exposições, lançamentos editoriais, apresentação de intervenções de reabilitação, visitas guiadas, concertos, entre outros, envolvendo arte religiosa, bibliotecas eclesiais, arquivos ou património imaterial, entre 17 e 20 de outubro.

“A vitalidade e especificidade dos Bens Culturais da Igreja reclamam, cada vez mais, uma articulação plena entre a comunidade religiosa, civil e científica”, afirmou o vigário-geral da diocese, cónego Hélder Fonseca Mendes, em carta enviada a todos os sacerdotes, párocos, onde incentiva todas as paróquias a promover iniciativas, divulga a diocese.

O Dia dos Bens Culturais da Igreja, no dia de São Lucas – pintor e patrono dos artistas – assinala-se desde 2011 com o intuito de promover “a reflexão e a partilha do trabalho desenvolvido no contexto das dioceses portuguesas”.

Segundo o Secretariado Nacional dos Bens Culturais da Igreja Católica em Portugal, esta data pretende também “debater novas propostas de atuação, avaliar dificuldades e identificar os principais desafios com que se confrontam”.

CB

Algarve: Caritas Diocesana comemora 62 anos de atividade com ciclo de conferências
Out 18@21:00

D. Manuel Quintas preside uma Eucaristia no Dia Mundial do Pobre, a 17 de novembro

Faro, 15 out 2019 (Ecclesia) – A Cáritas Diocesana do Algarve vai assinalar os seus 62 anos de existência, e os 50 anos do centro infantil, a partir desta sexta-feira, com um ciclo de conferências até 7 de dezembro, sempre às 21h00.

Uma nota enviada à Agência ECCLESIA informa que a conferência inaugural vai ser proferida pelo professor catedrático José Eduardo Borges de Pinho, da Faculdade de Teologia, da Universidade Católica Portuguesa, às 21h00 desta sexta-feira, no auditório da Biblioteca Municipal de Tavira.

O Gabinete de Informação da Diocese do Algarve adianta que o ciclo de conferências vai percorrer as quatro vigararias da diocese e o professor universitário Juan Ambrosio vai falar dia 8 de novembro, em Loulé.

O presidente da Cáritas Portuguesa, Eugénio Fonseca, é o orador seguinte, no dia 15 do próximo mês, em Faro.

Os 62 anos da Cáritas Diocesana do Algarve e os 50 anos do centro infantil vão ser assinalados com uma Eucaristia, presidida pelo bispo D. Manuel Quintas, pelas 12h15, de 17 de novembro, Dia Mundial do Pobre, na Sé de Faro.

A conferência de encerramento vai ser realizada pelo padre José Manuel Pereira de Almeida, vice-reitor da Universidade Católica Portuguesa, dia 7 de dezembro, em Portimão.

A nota de imprensa informa também que a Cáritas algarvia vai realizar uma campanha de Natal e a manifestação de rua é a 21 de dezembro, na Paróquia das Ferreiras.

Para o próximo ano 2020, já estão agendadas as Jornadas de Ação Sociocaritativa, que têm lugar a 7 de março, no Centro Pastoral da Diocese do Algarve, em Ferragudo.

No Algarve foi criado o Conselho Consultivo da Cáritas Diocesana, que visa “ajudar a direção a tomar conhecimento da realidade em cada uma das vigararias e, posteriormente, à promoção de ações vocacionadas para essas realidades”, adiantou o presidente da instituição Carlos Oliveira.

CB/OC

Leiria: Visita guiada ao museu instalado no antigo convento de Santo Agostinho
Out 18@21:00_22:00

Leiria, 11 out 2019 (Ecclesia) – No âmbito do Dia dos Bens Culturais da Igreja (18 de outubro) realiza-se, em Leiria, às 21h00, uma visita guiada ao museu instalado no antigo convento de Santo Agostinho.

Esta iniciativa serve para celebrar esta efeméride e é promovida pelo Departamento do Património Cultural da Diocese de Leiria-Fátima juntamente com o Museu de Leiria, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

A visita vai ser orientada por Marco Daniel Duarte, atual diretor daquele departamento, e pretende mostrar um espaço que “já foi habitado por uma comunidade monástica e que neste momento se encontra musealizado”, acrescenta o comunicado.

LFS

Santarém: Vigílias de oração preparam o quinto Encontro Nacional de Leigos
Out 18@21:30

Santarém, 19 set 2019 (Ecclesia) – Para preparar o V Encontro Nacional de Leigos que se realiza na cidade de Santarém, a 23 de novembro, a organização (Conferência Nacional do Apostolado dos Leigos – CNAL) promove várias vigílias de oração.

A primeira realiza-se no dia 04 de outubro, na Igreja Paroquial da Sagrada Família do Entroncamento (21h30) e tem como tema «A vida oculta (infância, juventude e vida oculta; família e trabalho)», refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Na Igreja Paroquial de São Pedro de Torres Novas (21h30) será no dia 18 de outubro e tem como tema «A vida pública»

«A Paixão» é o tema da vigília de oração a 25 de outubro e acontece na Igreja Paroquial de São João Batista do Cartaxo.

«A Ressurreição» (8 de novembro) na Igreja Paroquial de Nossa Senhora da Conceição de Rio Maior e «A vida no Espírito (vocação laical)» (15 de Novembro) na Igreja Paroquial de São Paulo em Salvaterra de Magos, são as últimas vigílias.

“Prometo viver a vida em plenitude e até ao fim” é o tema central o V Encontro Nacional de Leigos.

LFS

Out
19
Sáb
Braga: Departamento da Pastoral Vocacional reúne equipas arciprestais do setor
Out 19 todo o dia

Braga, 18 set 2019 (Ecclesia) – O Departamento Arquidiocesano da Pastoral Vocacional de Braga começou o ano pastoral 2019/2020 e vai reunir todas as equipas arciprestais, “para potenciar a vivência do plano de atividades”, a 19 de outubro, no Centro Pastoral da Arquidiocese.

Num comunicado enviado hoje à Agência ECCLESIA, o Departamento Arquidiocesano da Pastoral Vocacional de Braga informa que, ao longo do ano, e particularmente no contexto das suas reuniões mensais vão procurar “refletir” a partir da exortação do Papa Francisco ‘Cristo Vive’.

“Entre muitas atividades e solicitações”, do programa pastoral 2019/2020 destacam-se encontros destinados aos Arciprestados de Amares e Vila do Conde e Póvoa de Varzim e a Semana de Oração pelas Vocações.

Neste contexto, o departamento explica que a Semana de Oração pelas Vocações 2019, que “a Igreja vive e assinala em pleno Tempo Pascal”, na Arquidiocese de Braga centra-se no Arciprestado de Esposende.

A Exortação do Papa Francisco ‘Christus Vivit’, publicada na sequência do Sínodo dos Bispos dedicado aos ‘jovens, a fé e o discernimento vocacional’, vai “servir de base e de orientação para a atuação” do departamento.

O comunicado informa que “todas as atividades” vão ser “pensadas e concretizadas à luz” do programa pastoral que tem como tema ‘Levantar-se e Semear Esperança’ e como mote a frase “Transbordeis de Esperança, pela força do Espírito Santo”, da Carta de S. Paulo aos Romanos.

O novo Ano Pastoral 2019/2020 começou com uma reunião, esta segunda-feira, dia 16 de setembro, no Centro Pastoral da Arquidiocese.

A equipa do Departamento da Pastoral Vocacional, coordenada pelo padre Mário Martins conta com mais de 20 elementos, “foi reforçada com alguns novos membros”, e é composta por sacerdotes, consagrados e leigos, de diferentes institutos religiosos e de diferentes pontos da arquidiocese.

CB

Fátima: Comemorações dos 175 anos do Apostolado da Oração
Out 19_Out 20 todo o dia

Fátima, 23 jul 2019 (Ecclesia) – Para comemorar os 175 anos do Apostolado da Oração (AO) realiza-se, em Fátima, dias 19 e 20 de outubro, um colóquio sobre o Coração de Jesus e a peregrinação nacional àquele santuário mariano.

As iniciativas são organizadas, conjuntamente, pela Conferência Episcopal Portuguesa, Rede Mundial de Oração do Papa – Portugal (Apostolado da Oração) e Santuário de Fátima, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O colóquio, que se realiza no Centro Pastoral de Paulo VI, conta com intervenções de D. José Ornelas, bispo de Setúbal e antigo Superior-Geral da Congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus (Dehonianos); padre Manuel Morujão, sj, superior da Comunidade da Faculdade de Filosofia e do Apostolado da Oração, em Braga; padre Carlos Cabecinhas, reitor do Santuário de Fátima; Sérgio Filipe Ribeiro Pinto, professor da Universidade Católica Portuguesa, e o padre José Frazão, sj, Provincial da Companhia de Jesus em Portugal, refere o programa.

No dia 20 de outubro, Dia Mundial das Missões, acontece a Peregrinação Nacional Comemorativa dos 175 anos do AO e a Peregrinação Nacional de encerramento do Ano Missionário ao Santuário de Fátima.

O colóquio e peregrinação destinam-se a membros do Apostolado da Oração; sacerdotes, diáconos, seminaristas e agentes pastorais; Congregações religiosas e Institutos de vida consagrada que vivem a espiritualidade do Coração de Jesus; a todos os interessados em conhecer e aprofundar a espiritualidade do Coração de Jesus; Congregações religiosas ad gentes e movimentos apostólicos a elas associados e a todas as dioceses empenhadas na dinamização do Ano Missionário, convocado pela Conferência Episcopal Portuguesa.

As comemorações dos 175 anos do AO iniciaram-se em outubro de 2018, com um conjunto de Encontros de Formação para Responsáveis do Apostolado da Oração e de Retiros em Silêncio, centrados na espiritualidade do Coração de Jesus.

Um dos pontos altos das comemorações foi a peregrinação internacional a Roma, de 26 a 30 de junho de 2019, que inclui uma audiência com o Papa Francisco.

LFS

Fátima: Escola do Santuário promove retiro sobre a irmã Lúcia de Jesus
Out 19 todo o dia

Fátima, 08 out 2019 (Ecclesia) – A Escola do Santuário de Fátima promove um retiro, dias 19 e 20 de outubro para “aprender com Lúcia de Jesus a enraizar na confiança, que vence todo o medo, os dias a viver e os projetos a realizar”

O retiro com o tema “«Não temais». Praticar a confiança com Lúcia de Jesus” pretende acompanhar a história da irmã Lúcia de Jesus, uma das videntes de Fátima, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

“A história de Fátima é a história da confiança de Lúcia”, afirma o Departamento da Pastoral da Mensagem de Fátima, responsável pela Escola do Santuário.

Neste retiro pretende-se que os participantes acompanhem a irmã Lúcia de Jesus, vidente de Fátima, desde a sua infância até à sua morte, em 2005, “lendo em diálogo com a Palavra de Deus a sua vida e o acontecimento da Cova da Iria como uma história de confiança”.

O programa tem início pelas 10h00 de sábado dia 19 de outubro, na Sala do Espírito Santo – Casa de Retiros de Nossa Senhora do Carmo, e termina com a missa dominical das 15h00, na Basílica da Santíssima Trindade.

LFS