Calendário

[wcp-carousel id=”90845″]

Jul
20
Sáb
Fátima: Diocese de Coimbra peregrina com o lema «Celebrar e Acolher»
Jul 20 todo o dia

Coimbra, 15 jul 2019 (Ecclesia) – A peregrinação da Diocese de Coimbra ao Santuário de Fátima realiza-se no dia 20 de julho (sábado) sob o tema do ano pastoral «Celebrar e Acolher».

O bispo diocesano, D. Virgílio Antunes, preside à peregrinação que começa, pelas 10h00, com a recitação do terço na Capelinha das Aparições e pelas 11h00, o prelado preside à eucaristia na Basílica da Santíssima Trindade, lê-se no programa enviado à Agência ECCLESIA.

De tarde realiza-se uma assembleia diocesana na Basílica da Santíssima Trindade.

Os movimentos, confrarias, irmandades, misericórdias levam os seus estandartes, que utilizarão na procissão desde da capelinha até a basílica para a celebração da eucaristia.

LFS

Ago
2
Sex
Coimbra: D. Virgílio Antunes orienta retiro de verão em Penacova
Ago 2_Ago 4 todo o dia

Coimbra, 27 jun 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Coimbra vai promover, de 2 a 4 de agosto, na Casa de Retiros de Penacova, um retiro de verão que será orientado pelo bispo diocesano, D. Virgílio Antunes.

Este retiro tem como destino todos os agentes que trabalham na pastoral da diocese, paróquias, secretariados, movimentos e “que queiram fazer do tempo de férias um tempo de Deus”, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

A Diocese de Coimbra propõe desta forma um “tempo para reencontrar-se consigo e com Deus, aproveitando aquela magnífica paisagem e silêncio que aquele espaço proporciona”, lê-se.

LFS

Ago
28
Qua
Santo Agostinho: Celebração do padroeiro principal da Diocese de Coimbra
Ago 28 todo o dia

Coimbra, 18 jul 2019 (Ecclesia) – O bispo de Coimbra, D. Virgílio Antunes, vai celebrar, dia 28 de agosto, 18h30, na Igreja de Santa Cruz, a festa do padroeiro principal da diocese: Santo Agostinho.

As comemorações incluem também o concerto «Cantata de Santo Agostinho», às 21h30 na mesma igreja daquela cidade.

LFS

Out
31
Qui
Coimbra: Exposição «Regressar às origens pela xilogravura de Nunes Pereira»
Out 31 todo o dia

Coimbra, 14 fev 2019 (Ecclesia) – O Seminário Maior de Coimbra vai ter patente, de 20 deste mês a 31 de outubro, a exposição temporária «Regressar às origens pela xilogravura de Nunes Pereira».

Neste regresso tem destaque a sua obra «Os Contos de Fajão» (xilogravuras e texto),  um trabalho que tem hoje “um profundo significado cultural e antropológico, social e artístico”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Naquela obra descreve um «Portugal», uma sociedade, um tempo, um modo de ser pessoa e, ao mesmo tempo que faz rir, faz pensar e questiona sobre o modo como se vive hoje, acrescenta o comunicado.

Nestes contos entram figuras como o Senhor Doutor Juiz de Fajão, o Juiz da Relação do Porto, o almocreve, o Pascoal, o Senhor Bispo, o Senhor Prior, o sacristão, o oficial de diligências, o Escrivão e os estudantes da Universidade de Coimbra.

A inauguração vai ser às 18h30 da próxima quarta-feira, dia 20 de fevereiro.

LFS